Resenha: Love Thy Neighbour - Friend-Zoned #2 - Belle Aurora

Ano: 2013
Páginas: 574
*Não publicado no Brasil - Acervo pessoal*

Asher 'Ghost' e Natalie Collins Kovac compartilharam uma noite de paixão. Nenhum deles pode esquecer. Então, por que é tão difícil para eles estar perto um do outro? Sem esperança de ficarem juntos, eles decidem ir por caminhos separados. E, de alguma forma, tornam-se mais próximos do que nunca. Só amizade será o suficiente para o casal?



CONTÊM SPOILERS DO LIVRO ANTERIOR

"Love thy neighbour" é o segundo livro da série friend-zoned e tem como protagonistas Asher e Nat. No livro anterior os dois demonstraram sua clara antipatia um pelo outro, mas uma noite quente entre os dois na boate muda tudo.

Nat acreditou que estava grávida de Asher quando na verdade descobre uma situação médica que a impede de ter filhos. Com Tina e Nikolai juntos, os momentos com os amigos e famílias são ainda mais frequentes, mas Nat vai dando o seu jeitinho para se manter afastada de Asher.

Mas esse afastamento termina quando ela vai procurar um novo local para morar e vai, sem saber, se tornar vizinha de porta do Asher. Inicialmente essa proximidade causa grandes atritos, mas com o tempo eles decidem estabelecer uma trégua.

A convivência faz com que os dois criem uma rotina, até mesmo envolvendo noites assistindo filmes e programas de televisão, mas romanticamente, Nat decide começar a sair com outros caras. Só não esperava cair em uma situação delicada e ser resgatada por ninguém menos do que Asher.

Asher desde o primeiro livro é um pouco ríspido e muito sombrio. Nikolai e Max vivem mencionando no livro anterior sobre a vida difícil de Asher, mas nunca entraram em detalhes pois acreditam que Asher deveria contar se quisesse. E quando o leitor descobre a verdadeira história de sua infância, é simplesmente devastador. O seu passado explica o motivo dele ser tão vigilante e emocionalmente afastado, mas quando ele está com a Nat, sente que algo nele desperta.

Nat tem uma personalidade completamente oposta de Asher. Ela é esfuziante, fala o que pensa e é escandalosa. Exemplo disso é sua relação com suas duas irmãs. As três vivem se xingando, mas com carinho. Juntas, são um tornado e Asher se vê no centro de tudo isso quando elas aparecem para visitar Nat.
"—Você age como uma menina dura, mas as coisas que machucam as outras pessoas também a machucam. Você não diz nada a respeito. Nunca mostra a suas emoções e é muito cautelosa com as pessoas que conhece. Usa o sarcasmo para desviar da verdade e não confia facilmente. Às vezes utiliza sua aparência para conseguir o que quer. Você se esconde atrás de seu cabelo vermelho brilhante, vestidos bonitos e lábios atrativos. Também é hipersensível. Basicamente, você é o sonho molhado de qualquer homem e seu pior pesadelo, tudo em um só. É uma mulher que um homem se apaixona, mas não sabe. Ele se apaixona por uma versão sua. Mas só se mostra verdadeiramente quanto se sente segura na relação e pode não ser o que esse homem queria afinal."
O relacionamento entre Ash e Nat não é fácil. Os dois precisam superar inúmeros percalços, mas também são os responsáveis por colocar alguns desses obstáculos no caminho. Apesar disso, é uma história agridoce e encantadora.

Um dos detalhes que se destacam nessa série é o fato de que o enredo não gira em torno apenas dos protagonistas e sim de todo o grupo de amigos. O leitor acompanha os relacionamentos dos outros personagens, as histórias pessoais de cada um e as confusões que eles se envolvem.

5 comentários:

  1. Olá gostei da história deste livro parece uma boa pedida para um sábado a tarde,só não gostei muito da capa.
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Carolina!
    Achei que nesse segundo livro Ashe e Nat acabariam melhorando o relacionamento deles e se entendo melhor, mas pelo visto, a série vai ficar no 'estica e puxa' até o final, mesmo que tenhamos a história dos amigos em paralelo.
    Desejo um mês repleto de realizações e um ótimo final de semana!
    “A vida guarda a sabedoria do equilíbrio e nada acontece sem uma razão justa.” (Zíbia Gasparetto)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE AGOSTO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Que trama interessante, percebi que é super diferente do livro anterior, um casal super diferente e daquele que não decide se realmente fica ou não. A continação e maravilhosa como o primeiro só fiquei meia sei lá com a relação entre eles, mas acho que seria incrivel.

    ResponderExcluir
  4. Oi Carolina!
    Como eum falei na outra resenha não sei se vou lê-lo. Fiquei cursos a com o passado dele, mas só isso. Talvez mais a frente.

    ResponderExcluir
  5. Olá.
    Bem interessante a proposta do livro. Que pena que ainda não foi publicado no Brasil, para que todos tenham a chance de ler e tirar suas conclusões. Parece uma leitura bem cativante.
    Ótima resenha.
    Beijos.

    ResponderExcluir