Resenha || A Menina dos Olhos Molhados - Marina Carvalho

19.12.16

Editora: GloboAlt
Páginas: 296
*Recebido em parceria com a Editora
Bernardo é jornalista por vocação: curioso, comprometido e muito bom com as palavras. Trabalha há anos em um importante jornal da cidade e suas matérias investigativas são sempre elogiadas. Ele só tem uma limitação... Odeia trabalhar em equipe. Há alguns anos, Bernardo sofreu com uma grande decepção amorosa, o que contribuiu para o seu jeito fechado e antipático. Por isso a incumbência de levar Rafaela – a nova estagiária do jornal – para todos os lugares é como o inferno para ele. Bernardo não perde nenhuma oportunidade de evitá-la, mas Rafa, além de ser uma jornalista extremamente talentosa, não engole desaforo. Com o passar dos dias, Bernardo percebe que não conseguirá seguir seu plano de ignorar a estagiária, muito menos todos os sentimentos que ela desperta nele. Entre reportagens intrigantes e perigosas, eles vão descobrir que têm muito mais em comum do que a imensa paixão pelo jornalismo...
Em "A Menina dos Olhos Molhados", temos os fatos contados em "Azul da Cor do Mar", mas, pela visão de Bernardo.

O livro nos traz uma alternância entre seu passado e o presente. Com isso passamos a ter uma visão do que levou Bernardo a se fechar para os relacionamentos, o porquê das implicâncias com a Rafaela e, claro, alguns esclarecimentos sobre assuntos que ficaram pendentes no livro anterior.

A escrita da Marina é simples, o que torna a leitura fluida e rápida. O leitor consegue se envolver rapidamente com enredo e quando dá por si o livro foi concluído.

Eu aguardava com ansiedade por essa versão, porém, fiquei um pouco desapontada; esperava que Marina abordasse mais a infância e adolescência de Bernardo, para que pudéssemos entender como ele reage e supera a separação dos pais e o que isso acarretou em seus relacionamentos. Até porque ele deixa transparecer que isso mexeu com ele e lhe trouxe algumas mágoas. Contudo, a autora foca em sua fase na faculdade, onde ele passa por um relacionamento que o modifica ao ponto de torná-lo quem é. Enfim, ainda sinto que Bernardo não nos contou tudo por completo, sinto que falta algo a se encaixar. 
"A menina os olhos molhados, penso. É a segunda vez na vida que encontro uma garota com esse tipo de olhar."
Ao final do livro temos um capítulo bônus, porém, não saciou o meu desejo por mais informações. 
Entretanto, um livro complementa o outro e todas aquelas pontinhas soltas que Bernardo nos deixou em "Azul da Cor do mar", temos elas esclarecidas aqui. Para quem deseja uma leitura rápida e gostosinha para esse fim de ano, "A Menina dos Olhos Molhados" é uma ótima opção.

"Mas, acima de tudo, quero, como jornalista, apresentar a realidade tal como ela é, para que a sociedade - quem sabe? - resolva tomar partido e pare de encontrar desculpas para não se envolver."

11 comentários

  1. Não sabia que esse livro era derivado de Azul da cor do mar, gostei, parece ser um livro encantador, pena que a autora não quis expor tanto a vida do Bernardo. Só vejo críticas boas a respeito do livro e vi que ele têm estado sempre entre os mais procurados do Skoob, então acredito que seja bom mesmo. Gostei da resenha!

    ResponderExcluir
  2. Não sabia que o livro era continuação de Azul da Cor do Mar, sobre este livro já li tanto comentários positivos quanto negativos, então fico meio dividida em relação a ler, quem sabe futuramente eu leia.

    ResponderExcluir
  3. Patrícia!
    Pois é... todos aguardávamos com ansiedade a versão do Bernardo e com a sua já é a terceira resenha que leio que diz que o livro ficou a desejar e poderia ter sido mais bem desenvolvido.
    “Há mais, muito mais, para o Natal do que luz de vela e alegria; É o espírito de doce amizade que brilha todo o ano. É consideração e bondade, é a esperança renascida novamente, para paz, para entendimento, e para benevolência dos homens.” (Desconhecido)
    Boas Festas!
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de DEZEMBRO ESPECIAL livros + BRINDES e 4 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  4. Ainda não consegui ler aquele outro livro dela e fiquei bem feliz de saber que tinha um outro agora. Porque se a gente gosta de uma história sempre quer mais né?! Mas não sei o que acharia desse, se iria me decepcionar um pouco também ou se só deixaria com vontade de ter mais coisas pra entender melhor os personagens. Parece bom de qualquer forma, deve ser interessante ler um depois do outro.

    ResponderExcluir
  5. Oi!
    Tinha visto esse livro antes, mas ainda não tinha parado para ler sobre ele e não sabia que era a visão do Bernado, achei interessante, com certeza a historia dela ficou pendente e gerou muitas duvidas me deixando curioso para saber mais sobre ele, mas também espero que contasse mais sobre sua infância e a separação dos pais, mas se tiver oportunidade quero ler esse livro !!

    ResponderExcluir
  6. Não li nenhum livro da autora, mas já li diversas resenhas sobre esse falando que ele apresenta alguns momentos de "tensão". Acredito que eu me prenderia ao livro por esses motivos, já que os personagens parecem ser bem infantis (o que me irritaria muito). Acho que eu pegaria somente o primeiro para ler, pois não vejo graça em ler um livro com a mesma história na qual a unica coisa diferente é o narrador (vi que apenas a visão do personagem é que muda entre um livro e outro). Fiz isso com Belo Desastre e não terminei Desastre iminente até hoje por esse motivo. Beijos

    ResponderExcluir
  7. sou louca pra ler " Azul da cor do mar " faz muito tempo, até hoje o unico livro que eu li da Marina foi "Amor nos tempos do Ouro " e fiquei fascinada pelo modo como a Marina escreve e como nos prende na leitura, e já quero todos os livros dela !! eu já queria Azul da cor do mar bem antes de conhecer a escrita dela, e realmente acho que vou gostar... Eu amo livros que mostram os dois lados, a mulher e o homem, que tem duas versões, quero logo ler o primeiro para assim poder ler esse e descobrir o que aconteceu com Bernardo que o fez ser como ele é!

    ResponderExcluir
  8. Não conhecia esse livro, mas fiquei com vontade de ler. Parece ser bom.

    ResponderExcluir
  9. Gostei muito da história, mesmo que aparentemente a autora deixou algumas coisas a desejar. Para mim, o título não tem nada a ver com a história, mas nada que impeça a leitura.

    ResponderExcluir
  10. Nunca li nenhum livro da autora e ainda vou ler. Esse parece ser um livro bom e fiquei querendo ler esse e "Azul da Cor do Mar" e conhecer mais sobre a vida do Bernardo. Só acho que ainda não é o momento certo para lê-lo.

    ResponderExcluir
  11. Não li nada da autora, mas depois de toda divulgação que a editora fez desse livro eu fiquei curiosa, já que a capa é linda e a premissa também. Achei uma pena o passado não ter sido tão abordado, mesmo assim irei ler para passar o tempo, já que aparenta ser fluido.

    ResponderExcluir

© MIX LITERÁRIO- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por