Resenha II Peça-me o que Quiser e Eu Te Darei - Megan Maxwell

4.10.16


Editora: Suma de Letras
Páginas: 576
*Recebido em parceria com a Editora
Os anos se passaram. Judith Flores e Eric Zimmerman vivem em uma bela casa em Munique com os três filhos. E continuam tão apaixonados quanto no dia em que se conheceram. O alemão e a espanhola enfrentam juntos os desafios de criar um adolescente e de manter o desejo aceso no casamento. Apesar disso, tudo parece ir bem, até o dia em que uma mulher do passado de Eric reaparece e coloca à prova todas as certezas de Jud. Já os melhores amigos do casal, Mel e Björn, estão mais felizes do que nunca. E o advogado sonha com o dia em que a ex-tenente do Exército americano deixará de ser tão teimosa e aceitará se casar com ele. Unidos pela amizade e pelo sexo, os dois casais enfrentarão juntos as armadilhas que o destino coloca em seus caminhos. Será que o amor verdadeiro é mesmo capaz de vencer tudo?


"Peça-me o que quiser e eu te darei" é narrado em primeira pessoa por Judith e retorna a história de Judith e Iceman, que estão juntos há cinco anos. Cinco anos e três filhos depois, o casal continua tendo seus encontros em casas de swing e se divertindo com os amigos Björn e Mel, mas ao mesmo tempo caíram na rotina. Enquanto Eric trabalha arduamente na Müller, Judith fica em casa cuidando das crianças: Flyn, o adolescente de 14 anos de idade, Eric, o garotinho de quase três anos e Hanna, a princesinha de dois anos.

Apesar desse cenário perfeito, a vida do casal é permeada por problemas do cotidiano. Flyn, que sempre foi um garotinho amável, agora é um adolescente problemático que não vê problemas em desrespeitar Judith e a equipe da casa, sendo muitas vezes ofensivo e assustador; Judith sente-se sufocada no papel de mãe integral, querendo voltar ao trabalho ao mesmo tempo que Eric discorda da sua ideia. E Eric se envolve tanto no trabalho que não consegue quase ter tempo para a esposa e os filhos, frustrando a protagonista.

Como se isso não bastasse, Ginebra retorna à Munique. Ginebra foi a namorada durante a faculdade de Eric e a pessoa que o apresentou ao mundo do swing. A interação entre os dois é repleta de carinho e enquanto Eric não consegue arranjar tempo para a família, ele disponibiliza tempo para Gini. Quem conhece a trilogia sabe que o relacionamento de Eric e Judith é baseado em muito sexo e ciúmes e isso se repete nesse livro. Honestamente, não há nada de surpreendente na história desses dois. Os dois fazem muito sexo, brigam, falam coisas ofensivas um para o outro, fazem bico e depois de umas duas páginas, retornam. Inclusive os empecilhos são previsíveis. Mais uma vez, Eric foi tão irresistível sexualmente que uma namorada de décadas atrás reaparece...

O que mais se destacou nesse livro foi a história de Melanie e Björn. Alternando com os capítulos narrados em primeira pessoa, a história desse casal é narrada em terceira pessoa. Melanie abandonou a carreira para se dedicar à filha e ao namorado, mas ainda não vê a necessidade de um casamento, enquanto que Björn não vê a hora de tornar Mel sua esposa. Mel está tentada a voltar a trabalhar como segurança no consulado dos EUA, o que deixa Björn desesperado por sua própria segurança. Ele também está sendo cotado para se tornar sócio na firma de advocacia dos seus sonhos. Para isso, ele precisa que Mel esteja ao seu lado. Só que tanto os sócios quanto as esposas troféu possuem uma ideia em mente de como todos devem se portar e parecer e isso cria um certo atrito no relacionamento do casal. Além disso, Mel vai descobrindo que por trás de toda a aparência polida desses sócios, existem segredos sórdidos e obscuros.

"Peça-me o que quiser e eu te darei" é uma obra indicada para os fãs que estavam com saudades dos personagens, mas que deve ser lida sem muita expectativa quanto à novidades ou reviravoltas. O leitor revê Marta e Sônia, cunhada e sogra de Judith respectivamente; Klaus, o pai de Björn; Dexter e Graciela, amigos dos casais, a irmã Raquel e a sobrinha Luz, o pai de Judith e Susto e Calamar.

A trama é mais do mesmo encontrado nos livros anteriores: muitas cenas de sexo e de ciúmes, brigas que começam por motivos pequenos mas ganham proporções gigantescas, grosseria por parte do Eric e atitudes imaturas de Judith.

Em relação à revisão, diagramação e layout a editora realizou um ótimo trabalho. A capa combina com a capa dos livros anteriores.


Peça-me o que quiser - Livro 01 - clique aqui

Peça-me o que quiser agora e sempre - Livro 02 - clique aqui

Peça-me o que quiser ou deixe-me - Livro 03 - clique aqui
Surpreenda-me - clique aqui

5 comentários

  1. Li os outros livros e gostei, mas não são os meus livros favoritos!! Pretendo ler, mas não é uma prioridade!!

    Bjssssss

    ResponderExcluir
  2. Carolina!
    É muito drama para um livro só, mas gosto muito.
    Como não li nenhum dos livros da série, não sabia que tinha swing e achei diferente.
    “Conhecimento sem transformação não é sabedoria.” (Paulo Coelho)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de OUTUBRO com 3 livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  3. Nossa, só de imaginar ele pensando em trair a esposa com uma namoradinha de colégio só porque o casamento não anda lá essas coisas, já me enoja. Achei o todo muito superficial, não me atraiu nem um pouco.

    ResponderExcluir
  4. Há pouco tempo pude conhecer a escrita da Megan Maxwell com o livro Vai sonhando!, achei sua escrita um pouco diferente no início mas depois acostumei e o adorei. Esse mês pude conferir seu novo livro Desejo Concedido e aí sim ela conseguiu me ganhar realmente. Ainda não consegui adquirir e ler essa série dela, que por sinal é bastante famosa.

    ResponderExcluir
  5. Oi!
    Nunca li essa serie e até hoje ainda não me interessei pelo livro, mas para quem acompanha a serie deve ser ótimo poder rever os personagens e ter um pouco mais da historia, e gostei de saber que esse livro mostra um pouco depois daqueles finais que geralmente vemos !!

    ResponderExcluir

© MIX LITERÁRIO- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por