Resenha || A Colônia - Ezekiel Boon

Editora: Suma de Letras
Páginas: 272
*Recebido em parceria com a Editora
Nas profundezas de uma floresta no Peru, uma massa negra devora um turista americano. Em Mineápolis, nos Estados Unidos, um agente do FBI descobre algo terrível ao investigar a queda de um avião. Na Índia, estranhos padrões sísmicos assustam pesquisadores em um laboratório. Na China, o governo deixa uma bomba nuclear cair “acidentalmente” no próprio território. Enquanto todo tipo de incidente bizarro assola o planeta, um pacote misterioso chega em um laboratório em Washington... E algo está tentando escapar dele. O mundo está à beira de um desastre apocalíptico. Uma espécie ancestral, há muito adormecida, finalmente despertou. E a humanidade pode estar com os dias contados.
A Colônia é um desses livros perturbadores para quem tem pavor de criaturinhas como aranhas - e eu tenho! Confesso que fiquei olhando aranhas de uma maneira bem  mais medrosa que antes!

Bom, eu comecei a ler A Colônia e demorei um pouco para terminar, pois apesar de poucas páginas ele tem muitos personagens e muitas situações que temos que estar bastante atentos para entender já que os capítulos são narrados de maneira intercalada pelo ponto de vista de diversos personagens que muitas vezes se encontram em locais distintos, mas garanto.. Tudo está interligado e Ezekiel Bonn é foda em não deixar brechas e transformar tudo em um completo desespero! Existe uma ameaça e elas são aranhas, aparentemente bichinhos comuns visto no dia a dia, mas não estas, que podem acabar com a raça humana e caçam como se fossem programadas para isso e é completamente assustador! Então temos um princípio do caos e pessoas envolvidas tentando conter o inevitável

O livro é incrivelmente descrito e é impossível não ficar pensando que aquela aranha na parede de casa poderia ser um monstro sinistro! Em A Colônia as aranhas são uma espécie a mais de mil anos adormecidas e que de repente acabam eclodindo e surgindo para disputar território com humanos e outras espécies. Tudo começa com "pequenos incidentes" aparentemente aleatórios. Em um passeio pela floresta uma massa negra e estranha devora turistas deixando apenas um sobrevivente que posteriormente vai parar em um avião e acaba morto e as bichas passeando por um novo território recheado de presas suculentas (humanos). Na China, aparentemente eles explodem uma bomba nuclear acidentalmente, mas logo isso acaba sendo esclarecido e percebemos que era uma tentativa de deter as aranhas, sem sucesso! Aos poucos países e pessoas precisarão se unir se quiserem conter esse terror que já se instalou e está fazendo grandes estragos.

Temos diversos personagens que irão narrar os ocorridos e nos deixar de cabelo em pé. Esse é o primeiro livro de uma trilogia que promete muito! O começo a meu ver foi maravilhoso e espero que os próximos não demorem a sair!

E você tem medo de aranhas?

6 comentários:

  1. Karini!
    Acho as aranhas bichos perigosos e traiçoeiros, mas não me furto de um bom livro de terror (e dos filmes) que falam sobre os aracnídeos.
    Quero muito ler.
    “Das coisas que a sabedoria proporciona para tornar a vida inteiramente feliz, a maior de todas é uma amizade”.(Epicuro)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de OUTUBRO com 3 livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  2. Nossa, Karini, bem bizarro mesmo!
    Não gostei disso de muitos personagens narrados em locais distintos, não gosto quando os autores fazem isso, torna muito cansativo. Mas adorei as aranhas em si, terríveis a ponto de tentarem acabar com elas com uma explosão nuclear!

    ResponderExcluir
  3. Adoro essas histórias em que a ameaça são elementos comuns no dia a dia e faz tempo que tô de olho nesse livro, mas não sabia que ele era o primeiro de uma trilogia, tem história pra tudo isso? ótima resenha!

    ResponderExcluir
  4. Oi Karini!!! Não conhecia o livro e só pela capa já não me interessei!!! Detesto aranhas, cobras e todos esses bichos peçonhentos!!! Boa leitura pra quem gosta, mas esse não é pra mim!!! kkkkkkkk

    Bjssssssssss

    ResponderExcluir
  5. Oi!
    Com certeza para quem tem medo de aranhas esse livro deve parecer ainda mais assustador, não conhecia esse livro e achei bem interessante a historia principalmente por temos as aranhas como personagens principais um tema que quase não vimos, mas não foi uma historia que me chamou atenção !!

    ResponderExcluir
  6. A edição do livro ficou maravilhosa. Eu já tenho medo de aranhas, imagina se ler esse livro! Irei ficar perturbada perto dessas criaturas. Imagino que isso do livro ser conquistador deixa o leitor com mais angustia ainda, imaginando aranhas pela casa...

    ResponderExcluir