Resenha II Xeque-Mate Da Rainha - Elizabeth Fremantle

Editora: Paralela
Páginas: 328
*Recebido em parceria com a Editora
A corte do rei Henrique VIII, repleta De intrigas e traições, é palco para esse Romance histórico avassalador Um romance histórico avassalador, repleto de intriga e traição. Elizabeth Freemantle conduziu extensa pesquisa para recriar o universo da corte do rei Tudor, Henrique VIII. Katherine Parr, sexta do rei, trilha um caminho perigoso entre paixão e lealdade. Muito mais nova que seu marido, ela precisa aprender rapidamente a lidar com os perigos da corte Tudor, especialmente no que diz respeito à sua fé e ao seu verdadeiro amor. Divorciada, guilhotinada, morta, divorciada, guilhotinada. Esse é o histórico das ex-mulheres do meu noivo. Estou apaixonada por um homem que não posso ter e prestes a casar com um homem que ninguém desejaria - meu noivo é Henrique VIII, que já guilhotinou duas esposas e divorciou outras duas e assistiu uma morrer durante o parto. Como sobreviverei uma vez que me tornar a rainha da Inglaterra?
Em Xeque-Mate da Rainha conhecemos Katherine Par, sexta esposa do rei Henrique VIII  uma mulher forte, sofrida, inteligente e decidida.. Mesmo em sua época, onde os homens praticamente dominavam o "espaço e tempo"e as mulheres precisavam acatar muito ou tudo. 

Katherine sempre sonhou em se casar por amor, mas teria ela escolha? Em uma época em que status e ascensão ao poder era almejado por muitos, sua família não era diferente! Logo sendo acertado um casamento por conveniência em que deixou ela viúva muito jovem. Aliás, ela foi viúva duas vezes com pouco mais de trinta anos.

Xeque-Mate da Rainha tem início em Charterhouse 1543 com Kit cuidando de John (Lord Latimer - segundo marido) em seu leito de morte e assinando um testamento que deixaria Kit com propriedades e bens consideráveis, que poderiam atrair caçadores de fortuna.. Mas claro que Kit demonstrava saber se virar bem. 

John em seu leito de morte relembra coisas dolorosas que marcaram sua família como palavras em uma lápide. Tem vislumbres do que não aconteceu .. Como seria ter tido um filho com Kit? Culpa-se por ter deixado ela sozinha com seus filhos para ir pedir perdão ao rei, pois ela sofreu muita coisa.. O bebê morto e como essa criança surgiu. Algo doloroso que Kit se quer menciona. Murgatroyd, como ele pôde? Como alguém que ele levava para caçar lebres e era tão doce se tornou desse jeito? 
John casou-se por amor (ele sim) e não cumpriu seu papel de proteger Kit e nem foi tão bom esposo assim.

Meg também sofreu muito pelo que se pode perceber, pois encontra-se constantemente em um estado agitado. Mesmo seis anos após o ocorrido é difícil não lembrar e sofrer novamente com tudo que aconteceu. 

Só o que John quer é morrer. A dor já é insuportável e Kit poderia fazer isso com seu conhecimento em plantas. Mas como pedir algo assim?  

Henrique VIII soube da doença de Latimer e enviou um médico para auxiliar com tudo, não por generosidade e bondade em si, mas por ter um interesse em Katherine. Ele teve cinco esposas; duas encontraram a morte por guilhotina, uma duas ele se divorciou e uma falecida no parto e Kit seria sua sexta esposa se ela estiver disponível. 

Kit não tinha intenções de casar-se com o rei, mas seguiu tornando-se sua esposa já que não ia conseguir viver seu amor com Thomas Seymour. Ela consegue se tornar uma esposa maravilhosa, rainha exemplar e ainda bem vista por alguns na corte e logo que o rei morrer (sim. viúva pela terceira vez) ela consegue levar a corte e questões muito bem. Já madura e ressabiada, sabe lidar melhor com tudo que a cerca. Há um reencontro com Thomas e aí meus queridos, vou parar por aqui.. do contrário irei contar mais do que deveria! ahaha

A história passa sentimentos fortes e nos deixa cada vez mais curiosos para saber mais sobre essa Rainha forte. Não sei se todo o desenrolar me agradou. Depois de muitas coisas vividas por Kit eu queria algo diferente para ela; mas não sou eu que decido não é mesmo? 

Gostei do enredo e li Xeque-Mate da Rainha e tenho certeza que irá agradar aos amantes de romances históricos!

6 comentários:

  1. nossa parece ser um romance de epoca mto bom. adoro estes romances historicos e com este acho que nao poderia ser diferente. adorei a dica. amo livros que contem sobre a realeza

    ResponderExcluir
  2. Estou gostando muito dos romances históricos lançados ultimamente mais este não me chamou muito a atenção a sinopse não me agradou muito parece ser um livro meio enfadonho.
    bjs

    ResponderExcluir
  3. Oi,
    Eu amo romances de época e já sinto que esse livro é pra mim. Toda essa pegada da "mocinha" ser a frente do seu tempo e esse ar sensual e muito romântico me pegaram de jeito e não largaram mais!

    ResponderExcluir
  4. Achei a história um pouco confusa kkk porém, como esse ano comecei a ler romances históricos e estou amando todos os que leio, fiquei curiosa para saber mais sobre essa rainha, esse me parece ser bem diferente dos que ando lendo, parece focar bem no drama. Vou procurar lê-lo.

    ResponderExcluir
  5. Oi!
    Gostei muito desse livro, a historia da Kit parece ser bem sofrida, mas achei bem interessante como ela se torna Rainha me deixando curiosa para poder descobrir o que ela ira enfrentar dentro da corte, se tiver oportunidade quero muito ler !!

    ResponderExcluir
  6. Qualquer Henrique já me remete ao seriado The Tudors... é automático.
    Achei a capa linda, mas a história muito confusa. Só lendo mesmo.

    ResponderExcluir