Resenha || Todo Seu - Crossfire #5 - Sylvia Day

Editora: Paralela
Páginas: 320
*Recebido em parceria com a Editora
Gideon Cross. A coisa mais fácil que já fiz foi me apaixonar por ele. Aconteceu instantaneamente, de forma completa e irrevogável. Casar com ele foi um sonho realizado. Continuar casada com ele é a maior batalha da minha vida. O amor transforma, e o nosso é um refúgio e também a pior tempestade. Duas almas danificadas que se entrelaçaram. Nossos votos foram apenas o começo. Lutar por esse casamento pode nos libertar... ou nos separar de vez. Sedutor e comovente, Todo Seu é a última parte da saga Crossfire, uma história de amor que cativou milhões de leitores ao redor do mundo.
"Todo Seu" é o quinto e último livro da série Crossfire da autora Sylvia Day. Narrado em primeira pessoa com os capítulos alternando entre as perspectivas de Eva e Gideon, o livro traz os dois protagonistas lidando com os seus traumas.
Quem teve a oportunidade de acompanhar a série conseguiu visualizar uma grande mudança de comportamento nos dois, principalmente em relação ao sexo. Desde o primeiro encontro, Eva e Gideon se agarravam em todas as oportunidades possíveis, de forma que os livros anteriores tinham páginas e páginas desses "encontros". Em "Todo Seu" Eva decide que para resolver os traumas do passado, os dois precisam se conectar de formas diferentes, deixando o protagonista eternamente frustrado.

Mas esse não é o maior diferencial. Gideon, que sempre foi implacável e dominante, muitas vezes abre mão de suas vontades em detrimento da esposa. E Eva, que sempre foi tão independente, abdica da carreira profissional em prol do marido. Sabemos que todo relacionamento envolve comprometimento de ambas as partes, mas como em todos os acontecimentos dessa série, tais mudanças também foram abruptas e prematuras. A convivência a dois geralmente molda o cotidiano, mas nesse caso em particular, a necessidade de se "curar" de Eva acaba forçando muitas situações. Não que tenha sido algo ruim, eles mudarem alguns aspectos do relacionamento (isso realmente precisava ocorrer), mas sim a forma como essa mudança ocorreu é que incomodou durante a leitura.

Como se isso não bastasse, a autora quis amarrar algumas pontas soltas do passado de Gideon de uma forma que não convenceu. O casal sempre esteve em perigo na série, graças à notoriedade de Gideon, mas nesse quinto livro algumas situações beiraram ao surreal. Houve uma situação em particular, que deveria causar impacto e até mesmo comover os leitores, mas que ficou tão forçada que nem a própria protagonista conseguiu chorar.

A ideia de amarrar as pontas soltas é muito boa, mas não foi muito bem desenvolvida. Talvez se fosse utilizado o artifício de passagem de tempo entre um acontecimento ou outro (não necessariamente anos ou meses, apenas semanas já ajudariam bastante), a trama poderia ter um pouco mais de coerência. Para os fãs da série, conseguir visualizar a vida desses dois mais uma vez foi uma situação mais do que bem-vinda e rever alguns personagens secundários queridos também.

O trabalho editorial está impecável. Da capa à revisão, a editora arrasou!

7 comentários:

  1. Não li nenhum livro desta série apesar de ouvir bastante sobre ela não me interessei em ler,quem sabe um dia.
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Já li o primeiro livro dessa série mas não gostei não rs Já começa que na capa diz que é melhor que 50 tons e eu não gostei disso, me pareceu que o livro estava menosprezando o outro, não gostei nada disso, até porque eu gosto muito de 50 tons. E os protagonistas não me cativaram nem um pouco. Não pretendo continuar essa série.

    ResponderExcluir
  3. Oi,
    Não li a série e nem sei se quero ler. Algumas resenhas que li de Todo seu não foram nada boas e isso me desanimou muito. Não foi só você que falou desse amadurecimento rápido dos personagens e isso foi algo que não curti.

    ResponderExcluir
  4. bom nao li nenhum da serie! nao gosto mto desse tipo de leitura. mas obrigada pela dica

    ResponderExcluir
  5. Gosto muito das histórias da Sylvia Day. Sou aquela que não conheci a escrita da autora por sua série mais conheci e sim pela sobrenaturais. Agora, com esse livro tão esperado, que era quase uma lenda urbana, já posso começar a série e saber pq vcs adoram tanto Gideon hahahahahahaha

    ResponderExcluir
  6. Oi, como vai?
    Bom eu devorei todos os livros da Série Crossfire.
    Gideon e Eva me prenderam do inicio ao fim, apesar dos dois últimos volumes não serem tão surpreendentes quanto os três primeiros.
    Parabéns pela resenha.
    Abraço.
    www.dnabookz.com

    ResponderExcluir
  7. Oi!
    Ainda não li a série Crossfire, mas ultimamente estou vendo as pessoas falarem muito sobre essa serie, porém parece que esse livro não agradou muito os leitores, realmente e muito chato quando a serie começa tão boa e no ultimo livro se perde !!

    ResponderExcluir