Resenha || Aprendendo a Seduzir - Patricia Cabot

Editora: Essência - Planeta
Páginas: 368
*Recebido em parceria com a Editora
O que qualquer mulher faria se flagrasse o noivo aos beijos com outra mulher?
Cancelaria o casamento e nunca mais colocaria os olhos no desalmado traidor. Certo?
Não lady Caroline Linford.
Apaixonada pelo belo e galante marquês de Winchilsea, ela não se dá por vencida e resolve ir em frente com o casamento. Afinal, lady Linford ama seu prometido.
Com o intuito de se tornar o único objeto do desejo de seu noivo, ela convoca o renomado Braden Granville, mestre na arte da sedução, para, com ele, aprender a ser a melhor amante que Winchilsea pode vir a ter.
Porém, a aluna se torna tão aplicada que arrancará mais que elogios de seu professor...
Aprendendo a Seduzir é mais um livro que teve uma repaginada da Editora e ganho uma capa nova, que, diga-se de passagem, é muito linda!

A história é ambientada em 1870 onde lady Caroline Linford é noiva do marquês de Winchilsea e o encontra com outra mulher; a princípio sua reação é sair daquele local sem se fazer perceber e ao sair da sala se depara com Braden Granville à procura de sua noiva que está nos braços do marquês. 

Nessa época existia uma lei onde os casais noivos não podem simplesmente desfazer um compromisso, isso implicaria em multas e punições a não ser que algo de muito justificativo possa confirmar um excelente motivo para isso. E é justamente isso que Braden quer. Ele desconfia de Jackelyn, o que ele não sabe é que Caroline tem a solução para o problema. Já que viu e presenciou a traição, sabendo que a identidade do amante misterioso de Jackelyn é seu próprio noivo.

Mas mesmo com raiva da situação Caroline só pensa que a melhor decisão seria aprender a ser uma amante fantástica e esposa adorável, então ela pede ajuda a Braden um sedutor de carteirinha. Apesar da pouca experiência de Caroline ela é determinada e implacável em suas decisões.

Com uma narrativa em terceira pessoa, Patricia Cabot nos conduz por um sensual jogo onde tudo pode dar errado, já que o enredo se passa em uma época com uma sociedade muito rígida e elitista. 

Aprendendo a seduzir é um romance histórico envolvente que me agradou muito. 


Daniella.

7 comentários:

  1. Desde muito antes da editora repaginar esse livro eu já morria de vontade de lê-lo. Tenho certeza de que irei amar. Nunca li um livro em que a Meg escreva como Patrícia. Essa aos ficou linda, mas acho que prefiro a anterior, era tão linda. <3

    ResponderExcluir
  2. Nossa, nem sei o que faria nessa situação, gosto nem de pensar de tão ciumenta, haha. Não tinha visto o livro antes mas a estória me chamou a atenção. Ah, muito linda essa capa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. PS: Já estou lendo o livro! Estou no 3 capítulo e gostando muito (mesmo sendo digital)! ❤❤

      Excluir
  3. Gostei muito da nova capa deste livro ficou muito linda,espero ler em breve porque a história parece ser muito boa.
    bjs

    ResponderExcluir
  4. patricia/meg cabot arrasaaa na escrita! adoro. ela deveria escrever mais livros neste estilo!

    ResponderExcluir
  5. Não li nada da Patricia ainda pq, sei lá, as sinopses não me chamam a atenção. Traição, pra mim, é sempre um tema péssimo: quem ama não trai, penso assim, e se trai é sinal pra que vc caia fora.
    Realmente, essa capa é muito mais bonita que a anterior.

    ResponderExcluir
  6. Oi!
    Ainda não li nenhum livro da Meg como Patricia, mas achei a historia interessante principalmente por Braden e a Caroline pois parecem ser dois personagens bem teimosos e gostei da nova capa que ficou linda !!

    ResponderExcluir