Resenha II Bom Dia, Princesa! - Blue Jeans

Editora: Planeta
Páginas: 496
 *Livro recebido em parceria com a Editora*
Eles se conheceram há dois anos, quando mais precisavam de apoio, e formaram o clube dos incompreendidos. No entanto, algo mudou e agora já não sabem se podem contar uns com os outros. Valéria não sabe se, ao se deixar levar pelos seus sentimentos, pode trair sua melhor amiga; Bruno escreve cartas de amor que não dão resultado; Maria é o patinho feio que busca o seu lugar; Elisabete não está acostumada a ouvir “não”; Raul não quer se equivocar desta vez; e Ester gostaria de gritar o seu amor aos quatro ventos. Amores transbordantes, dúvidas existenciais, segredos inconfessáveis e muita, muita diversão.
A trama gira em torno de um grupo de amigos formado há dois anos e autodenominado o clube dos incompreendidos. Raul, Éster, Bruno, Maria, Valéria e Elisabete são adolescentes que por conta das circunstâncias acabam se unindo. Raul é um garoto popular e bonito, mas a perda prematura do pai o deixa com uma mãe aérea e duas irmãs gêmeas curiosas; Elisabete foi o patinho feio que graças aos hormônios tornou-se uma beldade de parar o trânsito; Valéria é a tímida do grupo, Éster é aquela que quer agradar a todos; Maria ou Meri é a quieta do grupo e Bruno é o fã de videogames, baixinho e com um temperamento esquentado.

Os acontecimentos desse livro acontecem todos em apenas quatro dias, começando pelo sábado e terminando na terça-feira. A história se passa em Madri e o ano é 2011. Valéria nutre uma paixão secreta por Raul e finalmente decide tomar coragem para se declarar. Tudo seria ótimo se Raul não fosse um pegador e Elisabete, a sua melhor amiga, não declarasse que está interessada nele. Valéria então fica quieta mais uma vez sobre os seus sentimentos e assiste de camarote sua amiga tentar de todas as formas conquistar Raul.

O triângulo amoroso é algo comum, mas existem alguns diferenciais nesse livro. Primeiramente, Raul o foco de desejo das garotas não demonstra que está romanticamente interessado em nenhuma das duas. Os primeiros momentos dele com a sua escolhida mais parece se tratar de uma questão de obrigação, por estar se tornando um adulto e é o único homem da família. Por sua vez, a forma como Elisabete vê sua atração/paixão por Raul é um pouco descabida. Em um minuto ela está tranquila, aproveitando a sua beleza para conquistar os rapazes e na outra gira seu foco totalmente no mocinho. Existe uma justificativa para tal ação e a resposta foi surpreendente. Valéria por sua vez é um pouco sem graça. Ela é uma jovem bonita, inteligente, mas sem confiança. E passa a questionar cada movimento dado durante todo o livro.

Em paralelo a esse romance, temos alguns dramas envolvendo Ester, Bruno e Meri. Ester tem uma paixão por seu treinador de vôlei, o Rodrigo. Ele é 10 anos mais velho e tem um ar confiante, além de saber ser encantador quando quer. Ester é a garota que quer agradar a todos, sempre imparcial nas votações, sorrindo quando não está feliz, ela vive para deixar os outros felizes. Essa dinâmica entre ela e o treinador é algo interessante a ser observado, pois muitos jovens acabam desenvolvendo paixões por figuras como professores na adolescência. O problema é quando tal situação saí de algo platônico para algo real e muitas vezes, esses jovens não estão prontos para lidar com isso. Bruno é o garoto que desde o primeiro instante se apaixonou pela Ester, mas nunca teve coragem para assumir tais sentimentos. Agora, ele percebe que precisa amadurecer e ser capaz de declarar-se, mas acaba sendo mais o ombro amigo. Meri é a personagem que mais consegue manter seus sentimentos escondidos. Sabemos que ela está apaixonada por um de seus amigos, mas ela não confessa. É apenas em seu blog secreto que ela consegue colocar em palavras tudo o que sente para não ficar ainda mais sufocada. Sua realidade começa a mudar quando ela e a irmã percebem que o pai, que mora em outra cidade, precisa do apoio das filhas. É quando chega o momento em que ela precisa decidir se quer e pode abrir mão da própria felicidade em prol de seu pai.
"Mas esse pouquinho é muito pra ela. Seus amigos, o clube... e essa pessoa, sua verdadeira razão para seguir em frente. E ainda que seus sentimentos não sejam correspondidos, não imagina a vida sem sua presença." (p.118)

Como pode-se imaginar, o livro é cheio de dramas, paixões e dúvidas, tudo muito comum no mundo adolescente. A história fala do presente, mas também apresenta flashbacks dos momentos em que o grupo começou a se formar, há dois anos. As personalidades tão diferentes umas das outras acabam tornando a leitura rápida e fluida, pois os personagens se complementam.

Existem algumas revelações importantes que vão ser realizadas no decorrer da leitura que acabam fazendo o leitor refletir sobre alguns assuntos mais sérios e polêmicos, mas no geral, é uma trama voltada para o público mais jovem por ser bem descontraída e leve.

Em relação à revisão, diagramação e layout foi realizado um ótimo trabalho. Foram encontrados alguns errinhos de digitação, como por exemplo nas páginas 233 e 409, mas nada que interfira na compreensão do texto. A capa é simples, mas ao mesmo tempo leve e descontraída. 
"É possível que o que vai ouvir em alguns minutos a faça sofrer mais, mas precisa saber o que Raul quer." (p.85)
Para aqueles que ficaram curiosos com o livro, ele inspirou o filme El Club de Los Incomprendidos, lançado mundialmente no final de 2014. Trata-se de uma adaptação, mas que apresenta os seis protagonistas. O filme foca mais no romance, apresentando mais cenas do mesmo.

É difícil assisti-lo e não pensar em uma versão mais moderna do clássico "O Clube dos Cinco", mas com menos drama e mais romance.



Ester, Eli, Valeria, Raul, Meri e Bruno

12 comentários:

  1. Que livro fofo
    Quero ler porque amei o trailer mais não quero assistir o filme e estragar o livro rsrs

    ResponderExcluir
  2. Oi Carol, desta vez eu passo, não me interessei por ele.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  3. Óla achei este livro bem fofo alem da capa ser uma graça,fiquei curiosa,valeu a dica.
    bjs

    ResponderExcluir
  4. Ooi!
    Iria falar justamente isso me veio logo na cabeça me lembrou ao "O clube dos cinco" que por sinal eu amo! O livro parece ser legal, cheio de draminha adolescente e tudo mais, contudo essa capa.... Aah poderia ser melhorzinha ein? Okay, não irei julgar o livro pela capa. Bela resenha. Bjs xz

    ResponderExcluir
  5. Gostei da história e não sabia que tinha adaptação. Deu mais vontade de ler ainda! A trama, mesmo tendo algumas coisas que achei bem clichê, parece ser fofa e rápida de ler. Com romance, drama e muita história boa. Gostaria de conferir.

    ResponderExcluir
  6. Oi Karini! Achei a capa desse livro tão fofa,não sei se capa e nome do livro tem muito haver com enredo pelo que você disse parece que não tem nada haver, mais em algum momento da leitura isso deve ser explicado. Achei a história legal, mas acho que irei baixar o filme para ver :P
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Gracinha de livro, parece ter várias idas e vindas e com personagens bem diferentes. Esse livro quero ler com certeza.

    ResponderExcluir
  8. Adorei essa capa mas acho que essa história não é para mim. Não sou muito chegada a livros que foquem tanto no drama, gosto mais de ação. Mesmo assim, acho que o filme eu gostaria de assistir. Vou procurá-lo.

    ResponderExcluir
  9. Oi!
    Ainda não conhecia esse livro nem o filme, a historia pareceu ser interessante e gostei como mostra cada um dos personagens com seus conflitos, mas não é o tipo de historia que gosto de ler !!

    ResponderExcluir
  10. Oi! Acho muito engraçado livros que acontecem em poucos dias, eu acabei de ler um que se passa em uma semana e ja li outros 2 que se passam em apenas 24 horas hahah muito bom! clube dos incompreendidos hahah no minimo curioso. Vou ler o livro e depois ver o filme :D

    ResponderExcluir
  11. Oi!!!.

    Eu adorei a resenha, não sou fã de livros com toda essa cota de hormônios adolescentes não.
    Que hormônios a flor da pele ja basta o meu.
    Me interessei bastante pela estória, interessante esse triângulo amoroso, diferente eu digo.
    Apesar de não fazer meu gênero, irei ler com toda certeza.
    Bom Dia.

    ResponderExcluir
  12. super fofo o livro e o trailer!!!

    ResponderExcluir