Resenha || Nova Ordem Mundial - A Guerra dos FAE #4 - Elle Casey

17.3.16

Editora: Geração Editorial
Ano:2016
Páginas: 304

*Livro recebido em parceria com a Editora*
Sinopse:Quarto e último capítulo de uma série surpreendente de aventura e magia e agora? Como enfrentar a necessidade de sacrifícios de uma Nova Ordem Mundial para os Fae?
Jayne e seus amigos estão numa encruzilhada, tendo que enfrentar a batalha final que decidirá a formação da nova ordem exigida pelo mundo sempre em guerra entre os Fae da Luz e da Escuridão.
Jayne se encontra numa encruzilhada não somente no terreno da estratégia e da magia, mas também do coração, que está dividido entre seu anjo da guarda e seu amigo elemental, Chase e Spike. Acontecimentos inesperados darão um toque surpreendente de romantismo e lágrimas neste último volume da Guerra dos Fae.
Surpresas após surpresas são mantidas até o final, que será ainda mais surpreendente para os fãs da insolente e destemida Jayne. E estão de volta o bom humor com o duende Tim e suas palhaçadas, bem como todos os perigos de um mundo onde de cada personagem ou situação pode brotar uma revelação inesperada, exigindo novas lutas e difíceis adaptações.
O mundo de aventuras de Elle Casey em A Guerra dos Fae tem aqui um encerramento apoteótico e brilhante.


"Nova Ordem Mundial" é o quarto livro da série A Guerra dos Fae onde temos Jayne como protagonista.
Jayne e seus amigos descobriram que eram crianças trocadas e ingressaram na aventura de suas vidas. Cada um deles aprendeu sobre suas habilidades e que o mundo dos Fae está sofrendo com uma dura batalha entre os Faes da Luz e os Faes da Treva.
Jayne, nossa heroína adolescente tem habilidades muito especiais que podem favorecer os Faes da Luz na grande guerra. Tal fato era uma certeza até a chegada de Ben, um fae tão poderoso quanto à Jayne e que está do lado dos Faes das Trevas.
Observamos no decorrer da série que Jayne além de desbocada é movida pelos hormônios e volta e meia tem encontros calientes com Spike, um sexy súcubo e começar a desenvolver sentimentos pelo reservado Chase.
A qualidade mais importante de Jayne é seu bom coração. Prova disso é que ela divide seu quarto com um pixie chamado Tim. Como isso é uma prova? Bem, Tim tem o hábito de soltar puns muito fedidos e ainda sim ela o atura com um grande sorriso.
Após o embate do terceiro livro, Jayne e seus amigos precisam se reagrupar e lidar com as perdas e os ferimentos dos sobreviventes. 
Tony é nomeado o novo coordenador de treinamento e Tim e Spike tentam apoiar Jayne, que perdeu a visão na batalha.


"Manter-me frívola em relação ao meu problema era a minha maneira de manter a atitude positiva."


Jayne começa a se questionar sobre o que acontece no quartel general dos Faes das Trevas, já que alguns amigos queridos resolveram ficar um tempo por lá. Como se isso não bastasse a mocinha precisa lidar com o seu passado: o temível padrasto.
Desde o primeiro livro o leitor sabe que o padrasto fez algo à protagonista, algo tão terrível que a fez fugir de casa. Finalmente chegou o momento em que Jayne irá confrontá-lo.
Nada saí como o planejado, mas o grupo de amigos consegue uma informação importante: uma nova ameaça irá destruir o mundo dos faes e dos humanos e algo precisa ser feito para impedir.


"Meus amigos estavam do meu lado, mesmo que eu houvesse praticamente provado que não era digna de apoio infinito e incondicional". (p. 23)


Muitos leitores estão na expectativa sobre esse quarto livro, pois não veem a hora da guerra iminente começar. Sinto desapontá-los. A forma como a autora expôs a questão e lidou com ela foi totalmente anti-clímax. É difícil comentar sem fornecer informações essenciais, mas posso dizer com tranquilidade que o final desse livro foi inesperado, porém sem muita lógica.


"Eu tive medo de soltar O' Verde. E ainda mais medo de deter a combinação Terra e Água para subjugar meus adversários."

Beijos, Cat

8 comentários

  1. Ainda não tive coragem de pegar esses livros pra ler por sentir que vou me desapontar com muita coisa. Não sei, a história parece ser muito boa mas falha na hora de desenvolver. Sinto que a ideia chega a ser melhor que a escrita, a trama...
    Mas pode ser que não, é só a ideia que muitas resenhas me deram. Só....não sei se pego :S

    ResponderExcluir
  2. Tenho os quatro livros da série mais ainda não li nenhum adoro este universo e espero começar ler em breve.
    bjs

    ResponderExcluir
  3. Não li nenhum livro da série ainda mas me interessou bastante já que é sobre um gênero que eu aprecio muito, acho linda as capas dos livros.

    ResponderExcluir
  4. Oi!
    Li o primeiro livro da serie A Guerra dos Fae e pretendo termina a serie e lendo essa resenha fiquei ainda com mais vontade de começar, mas fiquei preocupando com esse final sem muita logica porem achei interessante temos a jayne enfrentando o passado !!

    ResponderExcluir
  5. este livro esta nos meus qero ler faz um tempomas ainda nao li!! hahah vamos ver. adorei a resenha

    ResponderExcluir
  6. Oi eu ainda não li nenhum livro da serie mas sempre que leio algum post relacionada a serie leio só elogios eu gostei bastante da sinopse do livro alem da historia abordado ser bem o tipo que eu gosto de ler, já esta na minha lista de leitura bjs.

    ResponderExcluir
  7. Oiiee,
    Não li nenhum livro da série, mas tenho muita curiosidade, que pena que esse quarto livro não agradou muito, e nossa ainda não teve a guerra? sério? mesmo esse quarto volume não agradando tanto, pretendo dar uma chance a série, ver o que acho do primeiro livro.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
  8. Ainda não li nenhum livro da série, mas é uma pena que pelas resenhas as continuações estão diminuindo a qualidade do enredo. Mas apesar de alguns pontos negativos, eu tenho muito vontade de ler essa série.

    ResponderExcluir

© MIX LITERÁRIO- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por