Resenha || A Primeira Chance - Chance #1 - Abbi Glines

20.11.15

Editora: Arqueiro
Páginas: 224
Quando o pai roqueiro de Harlow Manning sai em turnê, ele a envia para Rosemary Beach, na Flórida, para viver com sua meia-irmã Nan. O problema: Nan a odeia. Harlow tem que manter a cabeça para baixo, se ela quer passar os próximos nove meses em paz. Isso parecia ser fácil... Até que o lindo Grant Carter sai do quarto de Nan.
Grant cometeu um grande erro em se envolver com uma garota com veneno nas veias. Ele sabia sobre a reputação de Nan, mas ainda sim não conseguiu resistir a ela. Nada faz ele se arrepender da aventura mais do que seu encontro com Harlow, que o deixa com o pulso acelerado. No entanto, Harlow não quer ter nada a ver com um cara que poderia se apaixonar por sua meia-irmã malvada. Mesmo não existindo amarras entre Grant e Nan.
Grant está desesperado para se redimir aos olhos de Harlow, mas ele arruinou suas chances com ela antes mesmo de conhecê-la...
“A Primeira Chance” nos traz a história de Grant Carter e Halow Manning. Halow é filha de Kiro, um astro do rock, porém ela foi criada pela avó longe dos holofotes. Tímida, Halow prefere a segurança de seu quarto e seus livros. Halow tem dois irmãos Maze e Nan. Maze a ama e protege, já Nan... 

Quando Kiro sai em turnê, Halow vai para Rosemary Beach, mas há um problema: terá que conviver com Nan. Para que tudo corra bem e ela possa viver esse período em paz, ela pretende se isolar em seu quarto e fazer o máximo de atividades que o Clube de Woods lhe permitir. Entretanto, na primeira manhã em sua nova casa, ela dá de cara com o lindo Grant Carter saindo do quarto de Nan.
"Harlow Manning era de tirar o fôlego. Ela não parecia a filha de um astro de rock. Parecia uma menina inocente e doce do interior, com cabelos compridos e escuros e olhos que faziam você esquecer o próprio nome."
Grant Carter é o melhor amigo/irmão de Rush, teve um envolvimento com Nan e já enfrentou alguns problemas por causa disso. Ele sabia sobre a reputação de Nan, mas ainda sim não conseguiu resistir a ela.

Contudo, seu encontro com Halow o deixa de pulso acelerado, Grant está desesperado para se redimir aos olhos de Harlow. No entanto, Harlow não quer ter nada a ver com um cara que tenha tido algum tipo de envolvimento com sua meia-irmã, mesmo não existindo amarras entre nada entre eles. Desse modo, Grant percebe que pode arruinado suas chances com ela antes mesmo de conhecê-la...
"Eu nunca quis te machucar. Machucar você é a ultima coisa que eu queria fazer. O que você me deu eu não mereci, mas acredite em mim quando eu digo que vou lembrar com carinho para sempre."
Os dois personagens são simplesmente cativantes. Harlow, apesar de parecer uma garota frágil, superprotegida pelo pai e pelo irmão, é determinada e esforçada e conquista a todos que estão ao seu redor. Quanto a Grant, descobrimos que ele é ainda mais doce. Apesar do medo que tem de entregar seu coração, quando o faz é simplesmente encantador.

O livro se desenrola como os dramas de sempre: sofrimento de um lado, coração machucado de outro, segredos do passado revelados, até aí nada de diferente. O leitor sabe o que vai acontecer, sabe que vai sofrer, mas é masoquista suficiente para enfrentar tudo. Pois é, fazer o quê, precisamos de respostas.

Abbi tem uma escrita simples e direta, a leitura flui rapidamente. “A Primeira Chance” é um livro envolvente, quando menos esperar o leitor já estará totalmente familiarizado com seus personagens. Outro fator que torna o enredo mais empolgante é que quando pensamos que tudo está resolvido, Glines traz acontecimentos e segredos de partir qualquer coração. Uma leitura que nos faz rir e se emocionar na mesma proporção.
"Grant tinha razão. Eu estava feliz. Como podia me sentir assim depois de tudo o que havia descoberto? Nunca pensei que seria feliz outra vez quando saí daquele lugar. Mas Grant estava lá, e me deixou chorar em seu peito. Ele me fizera feliz."

3 comentários

  1. Os livros de Abbi Glines são muito gostosos de ler ,até parece novela mexicana de tanto drama ,mais é uma leitura muito prazerosa, ainda não li este livro mas com certeza vou me apaixonar pela história de Grant e Harlow.
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Oi Paty, este livro tem sido o meu preferido da série até agora. Gostei da forma como Grant defende a Harlow, e do fato do casal não viver entre tapas e beijos.
    Estou com grandes expectativas em relação a continuação.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  3. Oi Paty!!! Adoro os livros da Abbi, e desde o primeiro livro que li sobre esse grupo de personagens, tenho uma relação de amor e odio!!!kkk Amor pelo Carter que parece ter um coração maior do que ele proprio, pois esta sempre disposto a ajudar a quem ele ama e Ódio pela Nan, acho que até hoje nunca senti tanta raiva de um personagem como sinto dessa garota insuportavel!!!!kkkkk
    Pretendo ler o mais breve possivel!!!

    Bjssssssssss

    ResponderExcluir

© MIX LITERÁRIO- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por