Resenha || A Ordem - Corrida contra o tempo - A Ordem #2 - Stuart Daly

12.10.15

Editora: Fundamento
Páginas: 312
*Livro recebido em parceria com a Editora
Há milênios, quatro anjos caídos, chamados de Sentinelas, vagam pela Terra em busca da Placa de Ruptura um dispositivo capaz de destruir o mundo e de concretizar a vingança dos anjos contra o Céu.
Quando o cadáver de um velho profeta ressuscita misteriosamente e revela o paradeiro da Placa, Jakob parte em busca do local secreto onde ela está: um lendário mausoléu repleto de armadilhas mortais. Com os Sentinelas e um exército de mortos-vivos em seu encalço, ele precisa encontrar a relíquia antes que seja tarde. Isto é, se conseguir sobreviver pois nenhuma arma parece capaz de deter a fúria desses terríveis inimigos sobrenaturais. Mas Jakob acredita que a esperança é maior do que as próprias habilidades. Será que isso é o suficiente para impedir o derramamento de sangue e até mesmo o Armagedom?
Nesta corrida contra o tempo, o jovem herói não estará sozinho. Ao lado de soldados experientes na batalha com o mal, de uma ladra de túmulos e de Armand seu amigo e mentor , ele vai enfrentar uma jornada perigosa, com traições e revelações que vão selar o destino da humanidade.
Esta é uma aventura de tirar o fôlego!
Descubra A ordem!
 A Ordem - Corrida contra o tempo é o segundo volume de uma série cujo autor é Stuart Daly. Tive meu primeiro contato com o autor ao ler o primeiro volume da série, cuja resenha pode ser encontrada CLICANDO AQUI!

Bom, nesse segundo volume continuamos acompanhando as aventuras de Jakob na corrida para deter o mal que vem assombrando o mundo; agora as coisas estão ainda mais intensas e perigosas.. Será que Jakob será capaz de lidar com tantas revelações e traições que estão por vir?

Como todos sabem ele é um jovem que resolveu seguir os Hexenjäger por conta de seu pai ter sido um grande general de batalha e ter morrido na mesma; foi criado pelos tios e tinha sonho de viver grandes aventuras, ao invés de ficar vivendo uma vida medíocre.. Dúvidas pairavam sobre Jakob, se esse era mesmo o caminho que desejava para si, porém com a persistência e interação em meio a tudo que poderia representar ser responsável por estar em uma Ordem de proteção ele deixa de ter dúvidas para ter certezas, amadurece um bocado e aprende há lidar um pouco melhor com as situações cotidianas! Assim como conquista o respeito que lhe é devido aos poucos conforme evolui junto aos seus companheiros da Ordem!

"Posso imaginar um milhão de lugares em que eu preferia estar agora. Até mesmo o salão de banquetes infestado de bruxas do Schloss Kriegsberg seria preferível a isto. Mas tempos sombrios pedem trabalho sombrio e não há muitos trabalhos mais sombios que investigar sepulturas exumadas na calada da noite."
Nisso logo no começo não temos uma apresentação tranquila e calma; já encontramos Jakob em um cemitério onde coisas estranhas andam ocorrendo. Pessoas sendo mortas e corpos exumados a noite. Seu companheiro de jornada dessa vez é Wilhelm Friedsthorm, um caçador de bruxas eficaz e sagaz e eles precisam descobrir quem estaria cometendo o sacrilégio de mexer nos corpos depois de enterrados e o que afinal de contas está acontecendo, pois quem quer que possa estar por trás disso tem motivos que vão além do medo de uma possível inquisição movida pela Igreja afinal de contas! Logo Jakob descobre que um dos mortos possui a marca da mão de uma criança na testa e lembra-se do que isso significa e logo começa a perceber que o que está diante deles não é um caso simples e sim algo complexo com algum significado macabro que vem com uma ameaça grave!
"...Mas a visão de Andreas havia retirado vários milênios de areia e poeira daquilo que deveria ter permanecido escondido da lembrança dos homens. Porque a visão que ele teve revelava a localização exata da Placa da Ruptura."
No passado, ainda quando era criança conheceu um homem com a mesma marca na testa e o mesmo tinha o Dom de prever coisas que estariam por vir, mas esse mesmo homem escapou da inquisição, pois suas visões sempre davam margem para interpretações.. Ele não era bobo, claro! Mas em dado momento esse homem previu o Armagedon. E procurou um padre a fim de contar tal fato.. Pragas, guerras e muitas mortes! Nessa ocasião Andreas (o homem com a marca) disse que o Armagedon só ocorreria se um dispositivo antigo fosse encontrado por mãos erradas e fosse ativado. Nesta visão Andreas viu a localização da Placa da Ruptura, porém não revelou ao padre em questão e óbvio que a questão aos poucos caiu nos mitos, assim como despertou interesse de tantos outros.. E o Andreas sumiu do mapa até esse momento em que Jakob descobre que um dos cadáveres exumados foi ele. Acontece que quem estava exumando os corpos estava atrás da localização da Placa da Ruptura e isso certamente é um grande e enorme problema!

Amei este volume ainda mais que gostei do primeiro e agora estou completamente imersa nesse mundo criado por Stuart Daly e louca por mais! O mal continua a espreita esperando uma oportunidade para se libertar e aniquilar a terra.. Agora em forma de anjos caídos que prometem um grande terror! O Armagedon! Apocalipse! Preparem-se meus queridos, pois a Ordem não é apenas um simples livro e sim um livro recheado de aventuras, e macabro.. com muita história que certamente fará você relembrar suas aulas na época de escola! Novos personagens foram inseridos a trama e muita adrenalina está por vir na busca implacável pela Placa, assim como na caçada que os anjos farão!

Estejam preparados para um show de história em meio a uma escrita que me encantou completamente!
Amei a capa dos dois livros. A diagramação está perfeita e não encontrei erros!


7 comentários

  1. A história continua muita interessante com muita aventura e adrenalina e a capa seguindo o padrão da primeira esta linda.
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Adorei saber que o livro continua intenso e envolvente, assim como no primeiro. Normalmente, o segundo volume é um pouco frio, e vi que não é o caso dessa trilogia. Pelas suas resenhas, eu fiquei bastante curioso para conhecer o Jakob, pois ele aparenta ser um incrível personagem hahah O que eu não gostei tanto foi da capa. Mesmo ela seguindo o estilo do livro anterior, eu acho que ela poderia ter sido mais trabalhada!

    ResponderExcluir
  3. Coisa boa quando o volume seguinte consegue ser tão bom quanto o seu interior e envolve o leitor não deixando outro jeito a não ser ler toda a série.Gostei e vou anotar a dica.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  4. Pretendo ler em breve, pois adoro os temas que envolvem essa série!!!!

    Bjssssssssss

    ResponderExcluir
  5. Pera aí, agora sim eu fiquei confusa, Karini. Gostei mais desse volume do que do outro e até disse na resenha anterior que não tinha pretensão em ler. Agora mudei de ideia... Acredito que esse volume você gostou mais ainda do que o anterior e eu também haha. Por essa resenha eu leria ambos os livros, mas o outro livro não tinha me chamado tanto a atenção quanto este.
    Claro que vou marcar como desejado. Fiquei bem curiosa para saber o que acontecerá com Jakob e o que acontece quando ele descobre os cadáveres exumados. Muito empolgante sua resenha.

    ResponderExcluir
  6. Karini!
    Adoro livros que tem anjos envolvidos, fico sempre bem curiosa para poder ler.
    Achei o livro bem dinâmico, cheio de mistério e com um grande objetivo no final.
    Não li nenhum dos dois livros, porém é uma série que me interessa muito.
    Adorei as capas também.
    “Quem quiser vencer na vida deve fazer como os seus sábios: mesmo com a alma partida, ter um sorriso nos lábios.”(Dinamor)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista, serão 3 ganhadores!

    ResponderExcluir
  7. Gostei extremamente da capa desse livro: todos os detalhes, o capricho nas ilustrações, enfim, achei tudo muito bem feito! Quanto ao enredo, ele me pareceu cheio de mistérios, com muitos segredos obscuros por trás, que aos poucos vão sendo revelados, o que eu acho bastante interessante. Gostei do detalhe sobre o amadurecimento do protagonista, que tu deixou bem claro na resenha, penso que isso contribui não só na fluidez como no nosso envolvimento com a história.

    ResponderExcluir

© MIX LITERÁRIO- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por