Resenha || O Retorno de Izabel - Na Companhia de Assassinos #2 - J.A. Redmerski


Editora: Suma de Letras
Páginas: 232
Determinada a levar o mesmo estilo de vida do assassino que a libertou do cativeiro, Sarai resolve sair sozinha em missão, com o propósito de matar o sádico e corrupto empresário Arthur Hamburg. No entanto, sem habilidades nem treinamento, os acontecimentos passam muito longe de sair como o planejado. Em perigo, Sarai nem acredita quando Victor Faust aparece para salvá-la — de novo. Apesar de irritado pelas atitudes inconsequentes dela, ele logo percebe que a garota não vai desistir de seus objetivos. Então não há outra opção para ele a não ser treiná-la. Com tamanha proximidade, para eles é impossível resistir à atração explosiva. Nem Victor nem Sarai podem disfarçar o que sentem, ou negar o desejo que os une. No entanto, depois de tantos anos de sofrimento e tantas cicatrizes emocionais, será que eles conseguirão lidar com um sentimento como amor? Só que Sarai — novamente na pele de Izabel Seyfried — ainda terá que passar por um último teste; um teste para provar se conseguirá viver ao lado de Victor, mas que, ao mesmo tempo, poderá fazê-la questionar os próprios sentimentos e tudo que sabe sobre esse homem.
Quando li A Morte de Sarai fiquei deslumbrada, foi um livro incrível com um final muito bom; fui com muitas expectativas para ler O Retorno de Izabel, e o livro deixou um pouco a desejar, não foi de todo ruim,pelo contrário, foi bom, mas não superou o primeiro. O ritmo continua intenso e feroz, mas achei que o romance, ia ter mais.. Ia ser avassalador! E não foi o caso; o romance em si, foi mediano.. Um pouco sem sal. Mas a história em si, continua boa e empolgante!

“Acho que a vingança sempre encontra um caminho, mesmo nos gestos mais insignificantes.”

O Retorno de Izabel tem inicio com nossa amada Sarai planejando um assassinato...e sozinha! Sabemos que ela não tem medo da morte e muito menos experiência com assassinatos; acaba é claro se metendo em encrenca e atraindo a atenção de Victor, que precisa decidir se a treina como assassina ou se a convence a desistir de tudo (mais uma vez) e ter uma vida mais tranquila. 

“Sarai e eu matamos por motivos diferentes, somos movidos por necessidades muito distintas, mas , no fim das contas, somos ambos assassinos, e sei que isso nunca vai mudar. Não podemos recuar diante disso, e a maioria dos que matam mais de uma vez não quer.” 

Niklas e Fredik(suspiros) acabam reaparecendo, porém com muitos mistérios. Não sabemos em quem confiar. Para contornar a situação em que Sarai os meteu, Victor acaba cedendo e treina Sarai, que tanto quer entrar nesse mundo. 

O começo da história até que é interessante, mas Sarai começou a se mostrar imatura, me irritou bastante, a trama melhora um pouco mais a frente quando Victor aparece e traz junto o Fredik (mais suspiros), mesmo não confiando muito nele, Victor acaba deixando Sarai com ele em sua ausência, o que comprova sua lealdade. 

“Ficar um passo à frente da morte é o nosso estilo de vida. É o meu estilo de vida, e acredito que era pra ter sido assim desde sempre. Contudo, por estranho que pareça, me sinto perfeitamente segura na companhia de assassinos." 

Sarai perdeu “facas” comigo nesse livro, Victor se sobressaiu um pouco mais, porém quem roubou a cena (em minha opinião) foi o Fredik que me conquistou completamente! Vamos ver o que o terceiro volume nos reserva, mas estou com menos expectativas, depois do segundo volume! O primeiro foi muito melhor!

5 comentários:

  1. Vou confessar que não li a resenha quero muito ler A Morte de Sarai e por isso não quero ler nenhum spoiler gosto muito desta autora espero não me decepcionar.
    bjs

    ResponderExcluir
  2. nao li ainda o livro A morte de sarai mas já li várias resenhas e quem le sempre gosta,
    fiquei sabendo faz pouco tempo que iriam lançar o retorno de Isabel e o que eu posso dizer é que amei a resenha e to super ansiosa pra ler.

    ResponderExcluir
  3. Esse livro eu estou querendo mto ler! Na verdade preciso ler o primeiro ne? Hehe.
    Esse tipo de leitura que mostra que o mundo não é perfeito e q tudo vai dar certo nos tira da zona de conforto.
    Tenho certeza que vou gostar do livro por ser algo forte e intenso! As capas estão lindas!
    Quero conhecer a trama e tudo mais!
    Adorei a resenha e me deixou ainda mais animada a ler. Bjus

    ResponderExcluir
  4. Não li o primeiro livro e não me interessei muito por essa estória não =S deixarei passar dessa vez.

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Eu li A morte de Sarai e amei, não é um livro pra qualquer um, essa é que é a verdade. Sabe, estou bem curiosa pra ler essa continuação. Confesso que não gostei de saber que a Sarai por ser um pouco imatura acabou sendo meio irritante. Enfim, acho que apesar de não ser melhor que o primeiro eu vou ler esse livro com certeza.

    bju

    ResponderExcluir