Resenha || Sedução Mortal - A Lenda de Montpellier - Sari Luhtanen e Miikko Oikkonen


Editora: Gutenberg
Páginas: 336
Em uma noite de lua cheia, a jovem Didi faz amor pela primeira vez. Inesperadamente, seu namorado morre em seus braços. Desorientada e com o coração ferido, ela não consegue entender o motivo da tragédia. Na manhã seguinte, ela conhece duas mulheres intrigantes, Cathy e Nadia, que revelam que ela não é alguém comum: Didi é uma ninfa. Elas a ensinam como sobreviver na sociedade em sua condição, e a lição crucial é que o sexo é fundamental para manter-se viva, mas isso tem um preço muito alto. Entre perseguições de um inimigo milenar em nome de uma lenda, e a força de uma paixão arrebatadora, Didi precisa decidir se vai pagar o preço de viver esse amor por inteiro, ou se vai preservar a vida de seu amado mas abrir mão dele.

A primeira coisa que me chamou atenção nesse livro foi à capa e tão logo a sinopse, para os amantes do gênero impossível não se sentir atraída instantaneamente como fiquei! Tão logo iniciei a leitura me deparei com um enredo criativo e bem escrito. Apesar de já conhecer histórias semelhantes os autores conseguiram dar seu toque especial transformando sua obra em algo completamente atraente e interessante!

Didi tem 16 anos e é superprotegida por sua mãe que tenta prevenir grandes mudanças que irão acometer a vida de Didi. Claro que a jovem deseja loucamente liberdade, como qualquer outra em sua idade iria querer.. Uma menina virgem que em noite de lua cheia sofre com problemas para dormir e passada a lua cheia a menina aparece com marcas pelo corpo. Em dado momento ela vai a uma festa com seu namorado e decide que naquela noite quer se entregar para ele.. Está consumida por um desejo diferente e anseia por fazer sexo com seu namorado, porém seu namorado morre durante o sexo e as marcas que Didi carrega no corpo são transferidas para seu namorado. Claro que isso deixa Didi devastada e completamente fora de si, afinal quem não ficaria caso no ato em que perde a virgindade com seu namorado o mesmo morresse em seus braços?
Muito confusa Didi acaba se deparando com Nádia e Kate que irão revelar a Didi quem ela realmente é e do que é capaz! Didi é uma ninfa e como tal precisa aprender a sobreviver, pois ela necessita de sexo como nós necessitamos de ar!

A vida de Didi muda completamente após a morte de seu namorado e a revelação sobre sua verdadeira natureza. Ela deixa de ser a menininha da mamãe, protegida e virginal e passa a ser uma mulher fatal e até perigosa levando em conta o que pode causar durante o ato sexual. Teoricamente uma pessoa da natureza de Didi não deveria se apaixonar ou amar alguém, pois como manter uma relação uma vez que você precisa sugar a energia vital das pessoas. Como um parceiro entenderia isso? Seria possível preservar ou manter tal parceiro em segurança, sendo alguém tão letal? Claro que ela se apaixona e isso irá dificultar ainda mais a sua adaptação a nova vida e a aceitação plena de quem é ou quem deve ser!

E como ingrediente mais que especial ela possui um grande antagonista que irá caça-la por onde for.. Eric. Afinal para toda criatura existe sempre a rivalidade, e o tal equilíbrio por assim dizer!


A trama é muito bem construída e promete grandes aventuras e reviravoltas. Intrigas, amor, paixão, rivalidades e seres mitológicos interessantíssimos e muito bem delineados. Com uma capa linda e um enredo pra lá de intrigante Sedução Mortal - A Lenda de Montpellier promete arrastar curiosos que certamente irão se encantar com a escrita dos autores.
Tenho certeza que você irá se surpreender tanto quanto eu me surpreendi a cada página virada e quando chegar ao final ficará pedindo mais!

8 comentários:

  1. Hello Karini!
    Nossa, só de ler a sinopse fiquei atraída instantaneamente também, hahaha.
    Eu comecei a ler faz pouco tempo, então não vi nada parecido com esse romance drama.
    Sua resenha tá otima e me animou muito de ler, ainda mais falando tao bem e que proteme grandes aventuras e reviralvoltas.
    Amei a dica!!!
    Bjus

    ResponderExcluir
  2. Não conhecia o livro e muito menos a série
    Mas confesso que fiquei interessado só para saber qual é a " real natureza" de Didi

    ResponderExcluir
  3. A sinopse me prendeu bastante.
    Gostei da capa também!
    Abs

    ResponderExcluir
  4. O que mais me chamou a atenção foi a capacidade da autora, pois ela conseguiu fazer uma história diferente. Mesmo seguindo a premissa batida de "amor proibido", ela conseguiu transmutar isso, tornando-o original.
    Eu achei a história muito interessante e, provavelmente eu só vá entender essa amplitude de ser ninfa ou a ligação com a lua cheia ao ler a história.
    Quem sabe eu não me aventure pela desventuras e conflitos da Didi =P ...

    ResponderExcluir
  5. Primeira vez que ouço falar e já estou super curiosa pelo pouco que li.. Amo tudo que há qualquer quantidade de mitologia, claro que quanto mais melhor rsrs Esse livro é diferente de tudo que já li, e por ser a primeira vez que vejo esse tipo de abordagem ache super original, realmente deve ser uma história incrível..

    ResponderExcluir
  6. Oi Karini, parece uma ótima leitura mesmo. Eu que já estava de olho neste livro, agora mesmo que quero ler.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  7. Não conhecia esse livro e parece ser uma história diferente da que eu estou aconstumada e que ira me surprender, com certeza estara na minha lista só espero poder ler ele ainda esse ano. Adorei a capa

    ResponderExcluir
  8. Não conhecia a série, gostei muito, tentarei ler, pois gostaria muito de comprar essa série.

    ResponderExcluir