Resenha || Complicado Demais - Trilogia Rock Star #2 - S. C. Stephens


Editora: Valentina
Página: 440
Após se envolver num triângulo amoroso que culmina numa traição devastadora, Kiera jurou aprender com os erros cometidos. Ela está determinada a nunca mais infligir aquele tipo de sofrimento a ninguém, principalmente ao homem talentoso e sensível que é o dono do seu coração. Mas a vida oferece novos desafios a cada relacionamento e, quando o amor de Kiera for submetido ao teste máximo, será que o sentimento vai sobreviver? Será que, por uma intensa paixão, vale a pena encarar um desafio tão complicado? Amar é fácil... confiar é que é difícil.







Este é o segundo volume da trilogia Trilogia Rock Star de S. C. Stephens. Para quem não leu a resenha do primeiro volume, poderá fazer clicando AQUI! 

O casal Kiera e Kellan finalmente está se entendendo e de forma normal como deveria ser não há mais nenhum obstáculo que os impeça de ficar juntos a não ser eles mesmos se assim decidirem. 
Kiera sabiamente (aleluia) resolve ter o bom senso de fazer as coisas darem certo de maneira mais calma e centrada; cada um mora na sua casa, apesar de eles passarem uma boa parte do tempo (ou seria todo tempo?) juntos! Apesar de parecer tudo bem, uma relação que começou com algo tão forte e devastador como uma traição não poderia correr as mil maravilhas; então o casal tem de lidar com seus temores e anseios e assim tentarem confiar um no outro e fazer dar certo!

Os D-Bags estão ganhando espaço e conseguem uma turnê, e claro é o que eles sempre sonharam conquistar a fama e fazer sucesso com aquilo que amam, porém é a partir daí que as coisas começam a ficar estranhas entre Kiera e Kellan, já que ela não se contém em comparar a relação anterior com o que está acontecendo agora. Foi exatamente por conta de uma nova oportunidade profissional que ela e Danny, mudaram de cidade e toda a estabilidade amorosa deles foi para as cucuias quando Kiera conheceu Kellan e ficou perdidamente louca de paixão e excitação pelo garanhão! Mas mesmo assim ela tenta se manter firme e tem a certeza que não pode mais viver em prol de um homem, e precisa ter escolhas e tomar decisões por si e não apenas por estar apaixonada por alguém, seguir o mesmo para todo o canto e etc. Kellan por outro lado, mostra-se completamente preocupado com esse possível afastamento, chegando a cogitar não ir à turnê, mas juntos o casal decide que ele precisa ir, é o futuro da banda que está em jogo. Nisso Kellan parte e Kiera fica. Fraqueza (normal) de sua namorada e deixou pequenas lembranças para acalmar seu coração apaixonado.
Ela busca distrações a todo instante para não surtar de ciúmes e insegurança e, além disso, Kellan previu o que sua ausência poderia causar e tentou abrandar um pouco com mensagens deixadas para Kiera encontrar quando tivesse que encontrar.

Mas.. Claro que nem tudo ficará tão maravilhoso e romântico, pois mesmo lutando para não tomar conhecimento do que os jornais falam a respeito dos D-Bags e de seu maravilhoso namorado, Kiera se depara com um vídeo que a deixa transtornada.
E para ficar ainda mais estranha à situação, Danny retorna da Austrália e Kiera esconde isso de Kellan, mesmo que eles sejam apenas amigos e Danny esteja dando suporte a ela emocionalmente.. Todo mundo já deve estar imaginando no que vai dar tudo isso!

Este segundo volume traz os conflitos ocasionados pela insegurança e também o amadurecimento dos personagens diante as adversidades apresentadas em suas vidas. 
Kiera realmente está mais madura que no primeiro volume, onde senti uma raiva imensa da personagem, e pude até sentir compaixão pelos seus momentos de desespero emocional. 
Kellan, apesar de um Rock Star que poderia ter qualquer mulher a seus pés, quer Kiera e é louco por ela. Gostei imensamente de ver suas demonstrações de afeto e me senti completamente apaixonada pelo personagem. 

Ana, Griffin e os outros personagens continuam aparecendo e tem um desenvolvimento bem traçado.. O in suportável Griffin é humano, quem diria? rsrs

Realmente gostei muito mais desse volume do que do primeiro, não é que seja melhor ou pior que o primeiro.. Mas como disse em minha primeira resenha da trilogia eu senti raiva e precisei de um bom tempo para me recuperar da traição que eu sabia que iria devastar Danny e abalar de vez as estruturas dos personagens! Nesse volume senti que todos os sentimentos e emoções vividos pelos personagens foram perfeitamente justificáveis por conta de ações anteriores e pude perceber um lado mais íntimo de cada um, que não estava apenas ligado à paixão louca sentida por Kiera e Kellan, mas ao Eu de cada um.. 

Recomendo com certeza a trilogia!

 

  

10 comentários:

  1. Adorei a resenha. Essa trilogia parece ser super interessante. A capa é linda demais!

    ResponderExcluir
  2. Não curto muito triângulos não sabe.
    Não li a trilogia ainda, mas adoro as capas e quero super ler a tanto tempo.
    Vi que tem várias duvidas sobre traições nesses 2 Kiera e Kellan, precisam de mais confiança um ao outro.
    Deve ser complicado um relacionamento com um Rock Star não é?
    Não curto muitos conflitos, fico ansiosa e curiosa com a continuação.
    Valeu pela recomendação, pretendo ler.
    Abraços Karini,
    ThayQ.
    http://leituras-insanas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Olá, Karini.

    Eu me lembrei agora da sua primeira resenha, eu amei ela demais. Ri horrores. kkkkk'
    Mas que bom que esse foi em termos melhor que o outro. Eu não li tudo pois já tenho esses livros e pretendo ler em breve. Fiquei mais animada a passar pelo primeiro sabendo o que o segundo vai me trazer.

    Paradise Books BR

    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Ainda não li o primeiro livro, curto muito história com triângulo amoroso, essa trilogia parece ser ótima, estou doida pra ler!

    ResponderExcluir
  5. Oi Karini,
    bem revoltada você com a Kiera na sua resenha do primeiro volume dessa trilogia né?! haha. Mas, que bom que o segundo volume é melhor (eu desanimaria se o segundo fosse pior)! Bem, o Kellan parece realmente apaixonante *u* E essa capa é linda! Gostei do livro :)
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Oi, tudo bom?
    Eu ainda não li nenhum livro da trilogia, mas estou curiosa para ler, vixii deu para sentir a raiva que você sentiu com certos acontecimentos do primeiro livro, eu amei as capas, e gente, eu adoro esse gênero literário.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
  7. Oi! Ainda não li nenhum dos livros, mas a capa é atraente. A história achei um pouco água com açúcar, nada que tivesse me deixado interessada. Não gosto de personagens melodramáticas ou chatas e acho que essa é exatamente assim.

    ResponderExcluir
  8. Oi Karini!!! Quero muito ler essa trilogia, gostei das capas e o gênero me interessa muito!!!kkkkk

    Bjsssssssss

    ResponderExcluir
  9. Oie,
    Achei a série bastante interessante, porém não sei se leria.
    A capa é fantástica.

    ResponderExcluir
  10. Oi Karidi :D

    To bem curiosa pra ler a trilogia.. Eu me apaixonei pelas capas, mas espero um romance bem mais hot do que foi mostrado nas resenhas que eu li até agora ! Uma traição? Ah, agora fiquei bem mais curiosa..
    Bj!

    ResponderExcluir