Resenha: "Love - A história de Lisey" - Stephen King



Suma de Letras

Lisey Landon compartilhava uma intimidade profunda e às vezes assustadora com seu marido, Scott, um escritor célebre e cheio de segredos. Um desses segredos era a fonte de sua imaginação, um lugar com a capacidade de curá-lo ou destruí-lo. Agora, dois anos depois da morte de Scott, chega a vez de Lisey enfrentar os demônios de seu marido, embarcando em uma perigosa viagem na escuridão que ele habitava. Love é uma parábola sobre a imaginação e o amor, e sobre o poder do amor de transformar e de salvar.





Os fãs de Stephen King sabem que o autor tem uma escrita própria e singular que trabalha de forma magnífica o aspecto psicológico dos personagens, evocando a loucura, o ciúmes, a inveja e os inúmeros instintos humanos que possuímos guardados dentro de camadas e camadas de cordialidade e "normalidade". O livro é dividido em três grandes partes, onde o foco principal aponta para um determinado personagem.

Lisey está viúva há dois anos, mas ainda não superou a perda do marido. O autor foca na necessidade da Lisey explorar alguns papéis do marido que estão no escritório de sua casa. Scott tinha uma imaginação fértil, mas não era apenas por ser criativo e sim por uma questão de sobrevivência. Para fugir de tormentos pessoais, ele criou um mundo seu, repleto de peculiaridades que atendiam as suas necessidades. 

O livro conta sobre as descobertas que Lisey vai fazendo sobre o marido após a sua morte, e com isso mostra que ela precisa repensar sobre quanto realmente conhecia Scott. A história tem uma linguagem própria, usada entre o casal, com palavras, apelidos e termos criados especialmente para tornar a atmosfera desse livro mais intimista.
A história tem um ar melancólico, não apenas por causa da viuvez de Lisey mas também pela história de vida de Scott. 
O início  é um pouco arrastado, mas no momento em que a investigação de Lisey inicia, torna-se impossível largar o livro

"Não quero chorar, 10 anos já não é idade para chorar (especialmente se você tiver passado pelas coisas que eu passei), mas estou começando a fazer careta de choro, não dá para evitar. Então, vejo uma das árvores adoráveis se destacar um pouco das outras, com seus galhos esticados para fora no que parece uma nuvem baixa". (p.656)

11 comentários:

  1. Nossa. Muito bom esse livro. Tenho que ler este romance de King. Está na medida certa pra mim. amo esse cara. Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Continuo aumentando minha lista de livros desse autor, mas até agora não li nenhum!!! Preciso mudar isso, mas parece que sempre surge um livro que quero ler primeiro e vou deixando ele de lado!! Mas vou ler só não sei quando!!

    Bjsssssssssss

    ResponderExcluir
  3. Ahhhh, vou te contar, fico indignada com os preços dos livros dele. Mas enfim, todos eles eu gostaria de ler, talvez mais para frente eu compre uns 3 de uma vez e os leia kkkk Este está entrando na listinha. Parece ótimo.

    ResponderExcluir
  4. Imagino que esse livro deve ser mais um clássico dele, de tão bom, principalmente porque esse assunto de descobrir coisas do marido depois que ele morre é muito bom.

    ResponderExcluir
  5. Não sei mais por onde começar a ler as obras de King, cada vez que leio uma resenha de seus livros, ele sobe na lista de leitura!
    Genial deve ser pouco pra definir esse estilo de escrita!

    ResponderExcluir
  6. Pelo visto praticamente todos os livros de Stephen King são ótimos, eu adorei essa resenha, e agora nem sei qual livro eu mais quero ler, pois me interesse por todos que foram apresentados aqui no blog.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  7. Pelo visto praticamente todos os livros de Stephen King são ótimos, eu adorei essa resenha, e agora nem sei qual livro eu mais quero ler, pois me interesse por todos que foram apresentados aqui no blog.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  8. Eu adoro a escrita de Stephen King, adoro como ele explora o psicológico dos personagens, eu não conhecia esse livro, mas parece interessante.

    ResponderExcluir
  9. Que saudade de ler algum livro do King!! Sempre foi meu autor preferido, mas já faz um tempo que não leio nada dele. Acho a escrita dele demais, super detalhista. Ainda não li esse, mas pretendo ler em breve.

    Beijos!!

    ResponderExcluir
  10. Stephen King é genial!
    E esse livro parece ser muito bom. Mas um na minha listinha. :)

    ResponderExcluir
  11. Stephen King ♥
    Já faz um tempo que eu não leio um livro dele, infelizmente!
    Adoro esses livros que me fazem não conseguir parar de ler! HAHA

    ResponderExcluir