Resenha: A Filha do Louco - Filha do Louco #1 - Megan Shepherd



Novo Conceito, 2014, Ed. 1ª

Juliet Moreau construiu sua vida em Londres trabalhando como arrumadeira - e tentando se esquecer do escândalo que arruinou sua reputação e a de sua mãe, afinal ninguém conseguira provar que seu pai, o Dr. Moreau, fora realmente o autor daquelas sinistras experiências envolvendo seres humanos e animais. De qualquer forma, seu pai e sua mãe estavam mortos agora, portanto, os boatos e as intrigas da sociedade londrina não poderiam mais afetá- la... Mas, então, ela descobre que o Dr. Moreau continua vivo, exilado em uma remota ilha tropical e, provavelmente, fazendo suas trágicas experiências. Acompanhada por Montgomery, o belo e jovem assistente do cirurgião, e Edward, um enigmático náufrago, Juliet viaja até a ilha para descobrir até onde são verdadeiras as acusações que apontam para sua família.





Juliet Moreu tem uma vida difícil. Vivendo sob o estigma dos crimes cometidos por seu pai, ela e sua mãe passaram por diversos problemas em Londres. Aos 16 anos se viu sozinha no mundo e trabalha realizando faxinas em uma faculdade de medicina. A mesma faculdade onde seu pai lecionava antes de todo o escândalo. 

A personalidade de Juliet é interessante. Em muitos momentos da leitura a autora faz um comparativo entre a personalidade de Juliet e seu pai. Ela é muito inteligente e perspicaz e muitos podem até dizer que ela é moderna demais para o seu tempo. Além disso, ela possui uma certa insensibilidade moral, não sei se poderia ser classificado como uma psicopata, mas falta a empatia em algumas cenas. Deixo essa discussão em aberto sobre existirem ou não personagens "psicopatas" no livro porque em alguns momentos, temos demonstrações de amor genuíno (mesmo que envolto em um certo grau de loucura) então não seria possível amar.

O livro possuí uma narrativa incrível e uma descrição rica, mas existem alguns detalhes falhos na coerência. A ideia é fantástica e foi um modo bem interessante de homenagear H. G. Wells, mas faltou "algo" para se tornar um livro excelente.
Em relação à revisão, diagramação e layout a editora realizou um bom trabalho. Existem alguns erros de digitação e gramática. A capa é linda e desperta a atenção.


"A mulher sibilou, revelando a língua bipartida de uma cobra. Uma píton, pensei comigo mesma. Era onde eu vira aquela pele antes. O homem com o rosto de javali, ao lado dela, também tinha um dedo a menos em cada mão, assim como as duas crianças maltrapilhas que se agarravam à minha saia". (p. 221)

Curiosidade: "A ilha do Dr. Moreau" foi escrito por H. G. Wells em 1896 e conta a história fala de um médico que cria criaturas monstruosas em uma ilha tropical. Moreau é um cientista obcecado pela idéia de transformar animais em homens através de cirurgias e hipnose. A chamada vivissecção é o crime de que Moreau é acusado ao fazer suas experiências dolorosas em animais. Isto o leva a se refugiar na ilha onde desenvolve suas idéias

10 comentários:

  1. Já pensava em ler este livro. Agora depois de sua resenha, com certeza vou querer pra minha coleção. Adoro estórias deste tipo: intensos e cheios de contradições. Estou curiosa e ansiosa pra tê-lo em minhas mãos. Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Desde que vi esse livro logo que foi lançado não me agradou mt não...principalmente por ter partes em de vivissecação de animais...

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Estou bem curiosa para ler esse livro. Mas fico chateada por essas falhas das quais você falou, mas é bom saber que ainda assim o livro é bom.
    Bjss

    ResponderExcluir
  4. Fiquei muito interessada em ler esse livro, desde que soube do lançamento. E a cada resenha que leio minha vontade aumenta mais!! Adorei a ideia de homenagear H. G. Wells, e mesmo sabendo das falhas de coerência na história pretendo conferir a obra. A capa realmente é muito bonita e foi o que primeiro chamou minha atenção!!

    Beijinhos!!

    ResponderExcluir
  5. Já assisti o filme A ilha do Dr. Moreau, mas não sabia desse livro!! Adorei saber dessa novidade e vou procurar pra comprar e ler!!! Valeu pela dica!!!

    Bjsssssssssssss

    ResponderExcluir
  6. Desde o lançamento desse livro algo nele não me agradou. Depois de ler sua resenha só reforçou o sentimento, ainda mais tenho erros de digitação, aff.
    Não gostei.

    ResponderExcluir
  7. Esse livro parece ser fantástico! Desde o início, seja pela capa, pela sinopse, eu já fiquei interessada, acho que vou amar este livro. É uma pena ter algumas falhas, e não ser excelente mas quero ler do mesmo jeito! Gostei muito da resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Um livro bom mesmo, que me deixou curiosa e apreensiva ao longo da leitura. O final deixou um belo gancho.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  9. Não conhecia o livro. Achei a capa bonita e a história no minimo interessante.
    Acho que leria.
    bj, dréa

    ResponderExcluir
  10. Oi, eu estou curiosa para ler esse livro, pena que falta algo nela, mas mesmo assim quero ler ao livro, achei a capa linda e a historia me deixou super curiosa.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir