Resenha: A Prisão Mal-Assombrada - Joseph Delaney



Bertrand Brasil, 2014,  Edição 1ª

A história começa com a primeira noite do órfão Billy, de quinze anos, como guarda de uma sinistra prisão. Mas essa não é uma cadeia qualquer com prisioneiros comuns. Nela há celas mal-assombradas que não podem ser usadas, sussurros e gritos durante a noite. E o temido Poço da Bruxa. Billy é alertado a manter distância do prisioneiro que fica lá no fundo do poço. Mas quem poderia ser? O que poderia ser tão assustador? O cenário deste livro é inspirado no Castelo Lancaster, onde, em 1612, as bruxas de Pendle ficavam trancadas antes de serem julgadas e enforcadas. Elas eram mantidas em uma cela conhecida como Poço da Bruxa. Quando Joseph Delaney visitou o castelo, ficou imaginando o que teria restado lá embaixo depois que as bruxas se foram. Uma história de terror digna dos mestres do gênero. Conhecido mundialmente pela série best-seller As Aventuras do Caça-Feitiço, Joseph Delaney aventura-se, desta vez, numa história independente, mas ainda repleta de mistério e fantasia. Quando lançado, foi comparado a livros de Neil Gaiman.


Recebi a prova de A Prisão Mal-Asombrada, escolha de leitura que eu mesma fiz e posso dizer que não me arrependo! Por ser um livro fininho, resolvi ler em voz alta incluindo meus filhos na diversão.. e foi bem legal a experiência que já havíamos experimentado. Eles participaram ativamente da leitura com exclamações e opiniões e por mais que não pareça, curti muito!
A prova que eu recebi é cheia de ilustrações muito bem feitas que deixaram meus filhos e a mim ainda mais encantados!

Em A Prisão Mal-Assombrada somos apresentados a Billy, um adolescente de 15 anos que vive em um lar para meninos órfãos. Logo no início temos Billy em sua primeira noite como guarda da prisão localizada em um castelo nada comum, assim como sua prisão que é mal assombrada, as celas são assustadoras e os prisioneiros são fantasmas! Dizem que durante a noite muito pode ser ouvido vindo das prisões do castelo, como gritos e ruídos assustadores! Billy, conhece Adam, um homem corpulento e um tanto mal encarado, sobre como se manter seguro em sua estada naquele local terrível! Assim como revela para Billy que quem ordenou que fosse alocado ali para trabalhar, foi Netty Pescoçuda, uma bruxa que assombra o castelo. Intrigado com a notícia, Billy se pergunta o porquê da bruxa tê-lo escolhido já que ele nunca ouviu falar dela! Outra coisa curiosa é que Adam o alerta sobre o prisioneiro que fica no poço das bruxas, e isso intriga por demais Adam, já que precisa manter distância do prisioneiro e o mesmo só deve ser alimentado a meia noite em ponto. 
Quantas coisas estranhas parecem acontecer por ali.. e nisso Billy embarca em uma aventura assustadora levando consigo cada leitor que se dispuser a ir junto nessa aventura!

A história é muito boa e realmente assustadora! Me vi curiosa para saber mais sobre Billy, mas nesse volume, somos apresentados apenas ao presente de Billy, deixando detalhes de sua vida oculto ao leitor. O livro é muito curtinho e li em menos de 1h, confesso que poderia ler muito mais.. pois realmente gostei, assim como meus filhos!
Doida para receber a edição finalizada e ver como ficou!

10 comentários:

  1. Gostei da resenha, imaginei que a história seria mais ou menos assim mesmo, gostosa de se ler com uma pitada de terror e suspense.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Oiee, livros infanto-juvenis são tão bons de se ler, são rápidos e leves, porém curti bastante o diferencial desse. O terror. Não é fácil encontrar muitos livros assim.
    Gostei muito.
    Bjsss!

    ResponderExcluir
  3. Infanto-juvenis não são meus preferidos, mas acredito que essa pitada de terror deve ter dado um tempero especial para a história. Sou medrosa, mas um livro infanto-juvenil não deve ser muito pesado, né? rsrs
    Fiquei curiosa. ;)

    ResponderExcluir
  4. Não tinha ouvido falar desse autor ainda, e como não li nada do Neil Gaiman não entendi a comparação...
    Gosto de livros que tenham terror,mas não dos tipo exagerados, costumo ler esse livros mais pra criança/adolescente por causa da minha irmã que pega no meu pé para mim comprar pra ela e eu acabo lendo antes.

    ResponderExcluir
  5. Legal Karini, ainda mais por saber que posso dividir a leitura com meus filhotes.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  6. Oi Karini, que bom que vocês gostaram do livro. Bem, terror não é minha praia, por este motivo eu não fiquei interessada no livro.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  7. Oi Karini, nossa que demais poder ler sua resenha desta historia e ainda mais perto das crianças, adoraria ver as fotos das ilustrações...Mas fiquei bastante empolgada pois minha irmã de 8 aos adoraria conhecer esta historia!!
    Dica anotada!!
    Beijos ♥

    ResponderExcluir
  8. Adorei a resenha!!! Minha filha esta começando a se interessar pela leitura e acho que este livro deve ser bem instigador!!!

    Bjssssssssss

    ResponderExcluir
  9. Não conhecia, mas gostei. Já disse que gosto do gênero, né ? uahsuahs
    Gosto também de histórias retratadas na época medieval e, por mais que esta não se passe numa época tão longe assim, ao menos o cenário é antigo, o que me agradou mais ainda.

    ResponderExcluir
  10. Este é um dos lançamentos da editora que me chamou a atenção....
    eu gosto bastante desse gênero, entao fiquei de olho já...
    Li algumas coisas negativas dele, mas tudo bem... ainda quero ler \o/

    ResponderExcluir