Resenha: Jogo de Risco - Janaina Blanco

 Editora Lio, Edição 01, 2013

Uma ligação... Um pedido. Amanda Montero jamais poderia imaginar que aquele telefonema mudaria para sempre o rumo da sua vida, arrastando-a para um sofrimento inimaginável. Depois disso, sobraria apenas o recomeço... Um recomeço que só seria possível depois que destruísse a vida do poderoso Enrico Barsani. Um empresário cruel e sem limites, possuidor de uma ambição implacável. O homem que destruíra todos os sonhos inocentes de sua irmã, Elizabeth Pavanelli, conduzindo-a a um futuro miserável e sem volta. Amanda abandona sua cidade natal, seus amigos, sua inocência e sai à caça de seu algoz... Dá-se o início de um Jogo de Risco, no qual a protagonista se transforma numa mulher audaciosa, com muitas facetas e várias personalidades, que a levam ao ápice do poder, numa jogada genial e de tirar o fôlego.

Jogo de Risco é um desses livros que te prende do início ao fim e ele realmente mexe com o leitor fazendo com que o mesmo muitas vezes prenda a respiração em determinadas cenas com medo de que o simples respirar possa distrair sua atenção!
Eu sou mega suspeita para falar, já que sou uma adoradora dos romances policiais e Janaina Blanco cumpriu muito bem o seu papel quando nos presenteou com Jogo de Risco!

O instinto primário do homem em qualquer ato de defesa é a desforra.
Quem nunca cogitou vingar-se de uma injúria, ato de covardia ou traição?
A satisfação de devolver a ofensa com a mesma moeda ou de modo mais prejudicial
possível é inestimável. Diz o ditado que a vingança é um prato que se come frio,
lentamente, começando pelas beiradas!
(prefácio)


Com essa abertura já se pode imaginar o que vem por aí não é mesmo? Mas na verdade nem mesmo as mentes mais ricas e dotadas de imaginação são capazes de chegar perto do que Amanda está preparando! Amanda é uma mulher cuja mãe encontra-se doente. Com essa doença ela resolve revelar para suas filhas Amanda e Elizabeth, um segredo a muito guardado. Esse segredo muda toda a vida de Amanda principalmente, pois a mesma que antes era uma pessoa normal, alegre e despreocupada, passa a ser movida pela vingança e seu foco passa a ser Enrico Barsani um homem muito poderoso e que não mede esforços para ter tudo o que deseja na vida! Ele é pai de Elizabeth e além de rejeitá-la dá ordens sinistras a seu capanga.. como eu disse.. sem medir esforços para chegar onde quer ou ter o que quiser!

Nessa teia criada por Janaina seremos apresentados a diversos personagens, dentre eles Artoni casado com Danielle, cuja vida não é nada daquilo que imaginou para si. Artoni é grotesco, violento, sem caráter e faz tudo o que seu patrão manda sem senso de moral.
Também conheceremos Alexandre cuja maior frustração é não conseguir por atrás das grades Enrico. Tem também o Rafael que assume os negócios da família após um casamento fracassado. 
Claro que Amanda e Rafael acabam se envolvendo e nisso Amanda precisa repensar sua vingança, pois poderá afetar Rafael.

O grande X da questão em Jogo de Risco não é simplesmente a vingança ou decidir vingar-se ou se entregar a um amor.. Na verdade os personagens são dúbios quando se trata de caráter.. O que eu quero dizer é que muitas vezes acontece de estarem tão cegos por seus objetivos que não pensam nas consequências de seus atos. 
Amanda é muito inteligente e entrou em um jogo realmente de risco onde muito está deliberadamente prestes a desmoronar a qualquer momento.

Com personagens inteligentes e uma história instigante Janaina conseguiu prender minha atenção e fez-me considerar Jogo de Risco um dos nacionais mais be elaborados do gênero!




9 comentários:

  1. Mais um livro nacional, e dessa vez fiquei super empolgada, só pela sinopse já me senti super atraída por esse livro, e depois de ler a resenha mais ainda.
    Fiquei curiosa pra saber se Amanda consegue se vingar e como fica a relação dela com Rafael.
    Quero muito *--*

    ResponderExcluir
  2. Tanto a resenha quanto a sinopse são um tanto misteriosas!
    Fiquei curiosa mas me parece o tipo de livro que eu não conseguiria me identificar com nenhum personagem. Essas personalidades dúbias e sem medir as consequências me irritam! Acho que não leria. =/

    ResponderExcluir
  3. Apesar de gostar de romances e livros policiais separados, tenho que admitir que esse me chamou atenção justo por unir os dois *-*

    ResponderExcluir
  4. Não sou muito fã de livros policiais, mas este me deixou curiosa!! Vai para minha lista com certeza!!!

    Bjsssssssssss

    ResponderExcluir
  5. Eu não costumo ler muito livros policiais, mas é bom saber que tem muito autores nacionais investindo no gênero.
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Olá Karini, tudo bem??Que super indicação de livro, fiquei mais que animada ao ler a resenha deste livro...Amo livros deste gênero e com certeza vou querer conferir este...E ainda mais pelo autorser nacional =).
    Dica mais que anotada!!
    Beijos ♥

    ResponderExcluir
  7. Já conhecia o livro , inclusive está como desejado no meu skoob ! rs
    Achei muito bem elaborado, prova de que autores brasileiros também sabem escrever igual ou até melhor que os estrangeiros à quem tanto buscamos.
    Anseio lê-lo. *--*

    ResponderExcluir
  8. Oi Karini, tem todos os ingrediente para me fazerem amar e ler intensamente este livro. Muito bom ver nossos autores crescendo e aparecendo.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  9. Este me deixou empolgada =) Realmente ler nacionais é tao gostoso, da um orgulho.
    Me chamou bem a atenção e já está entre os desejados <3

    ResponderExcluir