Resenha: "O Lirio Dourado" - Série Bloodlines - Livro 02 Richelle Mead

Sinopse:

Em sua última missão, a alquimista Sydney Sage foi enviada a um colégio interno na Califórnia para proteger a princesa Moroi Jill Dragomir, e assim evitar uma guerra civil entre os vampiros que certamente afetaria a humanidade. Porém, a convivência com Jill, Eddie e principalmente Adrian leva Sydney a perceber que talvez os Moroi não sejam criaturas tão terríveis assim - e ela passa a questionar os dogmas que lhe foram ensinados desde a infância. Tudo se torna ainda mais complicado quando Sydney descobre que talvez tenha a chave para evitar a transformação em Strigoi, vampiros malignos e imortais, mas esse poder mágico a assusta. Igualmente difícil é seu novo romance com Brayden, um cara bonito e inteligente que parece combinar com Sydney em todos os sentidos. Porém, por mais perfeito que ele seja, Sydney se sente atraída por outra pessoa - alguém proibido para ela. E quando um segredo chocante ameaça deixar o mundo dos vampiros em pedaços, a lealdade de Sydney será colocada mais uma vez à prova. Ela confiará nos alquimistas ou em seu coração?

Edição: 1
Editora: Seguinte
ISBN: 9788565765268
Ano: 2013
Páginas: 424
Tradutor: Guilherme Miranda
Skoob: Clique aqui
Avalição: 4/5


Para os leitores que esperam muita ação e mistério no segundo livro da série Bloodlines, é necessário alertá-los que esse não é o foco central. Após passarem por diversos problemas, Jill, Adrian, Edie e Sydney tentam ter uma vida "normal". É claro que o normal é relativo com esse grupo. Sydney que nunca pode apreciar as coisas simples da vida agora tem a oportunidade até mesmo de ter um encontro. Brayden é a versão masculina de Sydney: muito inteligente, sabe de fatos que a maioria das pessoas não dão importância, não tem muitas habilidades sociais e o melhor de tudo (segundo a Sydney é claro) - ele cheira a café. 
A autora não desaponta os leitores: se no primeiro livro temos a participação (mesmo que rápida) de Rose, em "O Lírio Dourado" temos a presença de Sonya Karp e Dimitri Belikov (sim, as fãs podem suspirar!). Os dois juntos com Adrian vão tentar entender o processo que envolve os strigoi e os usuários do espírito discutido já na série anterior.
Jill tenta viver como uma estudante normal, sob a proteção de Edie e Angeline Dawes, tendo seus flertes com Micah e a insistência de Lia DiStefano em lhe arranjar um emprego. 
Uma das situações mais exploradas nesse livro é como funciona a sociedade dos alquimistas e como Sydney começa a enxergar as pessoas que antes idolatrava. Sydney apesar de ser ingênua nos aspectos pessoais, tem uma visão mais ampla dos assuntos sérios e começa a questionar tudo o que lhe foi ensinado até hoje.
A autora surpreendeu os leitores explorando as histórias de personagens secundários como Trey Juarez e a estranha professora de história da Sydney. O modo como a autora trabalhou com esses dois personagens atiçou a curiosidade do leitor e permitiu que novas possibilidades fossem inseridas na série. 
Um dos pontos que foi muito bem construído é a relação entre Sydney e Adrian. É uma relação que vai amadurecendo cada vez mais ao decorrer da leitura, e sem dúvida é um dos pontos em que o leitor fica na maior expectativa.
Adrian continua sendo um personagem carismático: seu modo irreverente, seu sarcasmo e até mesmo suas ações impensadas fazem com que nos apaixonemos cada vez mais por ele.
Em relação a revisão, diagramação e layout foi realizado um ótimo trabalho. A capa segue o esquema da capa do primeiro livro da série: simples, porém chama a atenção.

"Mas quando eu estou com você, 
eu quero ser uma pessoa melhor porque... 
bem, porque parece certo. Porque eu quero. 
Você me faz querer ser uma pessoa melhor. 
Eu quero me superar. Você me inspira em 
todas as ações, todas as palavras, todos 
os olhares. Eu olho para você e você parece... 
luz transformada em carne e osso". (p. 415)

5 comentários:

  1. Essa série pra mime uma das melhores que estou lendo. é muita emoção. Ainda continuo na torcida por ela e Adrian. Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Nem li AV ainda e já estão falando desta nova série da autora. Preciso ampliar meu tempo...
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  3. Curioso para ler, mas somente após ler a primeira série da autora completa.
    Do contrário acho que não tem muita graça, já que trata de personagens existentes na outra série!

    ResponderExcluir
  4. Ainda não li nenhum livro dessa nova série da Richelle Mead, mas se for como Academia de Vampiros deve ser otima! Estou torcendo para que nessa série o Adrian se dê bem, pois gosto muito dele!!!

    Otima resenha!!!

    Bjsssssssssss

    ResponderExcluir
  5. eu amo academia de vampiro
    nas bloodlines ganhou meu coraçao de vez
    o final desse de lirio dourado me deizou em extase e loca pra ler feitiço azul

    ResponderExcluir