Resenha: Caçadores Sozinhos - Livro 01 - James Phelan


Uma forte explosão sacode os túneis do metrô de Nova York. Um trem sai dos trilhos e tomba violentamente. O jovem Jesse e seus amigos Dave, Anna e Mini são os únicos a sair com vida. Mesmo machucados, os quatro retornam à superfície e encontram um quadro pavoroso. Mortos, feridos, prédios reduzidos a pilhas de escombros fumegantes… Aparentemente, a cidade havia sofrido um ataque. Mas o pior eram os sobreviventes. Sem motivo aparente, eles haviam se tornado criaturas dementes, acometidas por uma sede que não podia ser saciada. Uma desesperada necessidade de consumir qualquer tipo de líquido, incluindo sangue. Jesse e seus amigos escaparam ilesos dessa contaminação. Mas agora, sem ter para onde ir e sem ninguém para ajudá-los, eles precisam encontrar um jeito de sobreviver… sozinhos.

Edição: 1
Editora: Fundamento
ISBN: 9788539504381
Ano: 2013
Páginas: 184
Avaliação:5

Desde criança eu não sentia
Como os demais e nunca via
O que os outros viam. Sempre quis
Outro querer, de outro cariz.
A minha dor tinha outros veios
Minha alegria, outros anseios
Minha paixão, diversa lei.
Tudo que amei, só eu amei.
(Trecho de Alone, poemo de Edgar Allan Poe)


Caçadores é o primeiro livro da série Sozinhos. Fazia tempo queria ler essa série e ao ter essa oportunidade não me arrependi! James Phelan escreve de forma enigmática prendendo seu leitor de forma que o mesmo se vê ansioso para saber o que ocorrerá! São poucas páginas contidas no exemplar, e na minha opinião eu poderia ler muito mais páginas.. pois ao chegar ao final da história me vi louca para saber o que acontecerá a partir dali, pois o autor solta uma revelação bombástica.. Que eu jamais havia imaginado quando iniciei e dei seguimento a leitura! Adorei essa sacada, assim como o mistério envolto ao que ocorreu ao redor dos amigos Jesse, Dave, Anna e Mini.


"Gritei aos outros, pedindo que se abaixassem,
e alcancei Anna. No momento em que nós quatro
estávamos deitados no piso, o vagão do metrô foi
sacudido novamente, dessa vez saindo dos trilhos
e caindo de lado no túnel. Houve um som rascante
de metal se arrastando sobre o trilho, guinchos estridentes
misturados com gritos de horror e uma lufada de fogo..
E tudo foi do calor a escuridão em um segundo."
(pág.11)  


Imaginem vocês estarem em um metrô com seus amigos participando de um evento da ONU e simplesmente após sofrer um acidente inimaginável no metrô, sair ileso e descobrir que todos ao seu redor exceto seus amigos sobreviveram.. já é bastante assustador para adolescentes.. Daí ao irem a superfície se depararem com o caos, destruição e onde foram parar as pessoas? As poucas que podem ser avistadas, parecem estar fora de órbita, bebendo água de poças, da chuva e etc.. as pessoas parecem não ver nem compreender o que se passa ao redor.. e isso por si já assusta os amigos, e quando percebem que há outro tipo de pessoas.. as que sugam sangue .. Tudo fica ainda pior!



"No meio do grande grupo de pessoas que estava bebendo a água que caía do céu, ou das poças formadas na calçada, havia um grupo menor, com pessoas debruçadas sobre os corpos estendidos na rua. Como animais. Horrorizado, notei que as bocas dessas pessoas estavam fechadas sobre a carne daqueles corpos. Elas estavam bebendo nos corpos. Elas estavam bebendo tudo. Qualquer coisa. E, então, elas nos viram." (pág.20) 


Não seus lindos.. Não se trata de vampiros, ou mesmo de zombie, afinal zombie come carne e não bebe o sangue ou qualquer liquido.. é como se essas pessoas do nada tivessem ficado com uma sede insaciável e tomassem para si qualquer coisa líquida que possa vir a satisfazê-los. É algo estranho, bizarro, curioso e diferente de tudo que já li..  Intriga tanto ao quarteto de amigos, quanto a nós leitores! Nesse clima de mistério e relatos dos dias que seguem após o desastre o autor vai moldando sua história que ganha vida a cada página virada e delineando a personalidade dos personagens, explicando o novo mundo que os cerca e moldando a relação que o quarteto desenvolve entre si. Eles parecem se entender bastante.. e o livro é narrado pelo ponto de vista de Jesse. Ele tem uma forma própria de ver o que se passa ao seu redor e alguns conflitos internos e com relação a Dave, que momentos antes de sofrer o acidente no metrô o estava irritando como em uma competição pelo coração de Anna, querendo desmerecê-lo. Jesse vai nos apresentando seus amigos e a si mesmo na busca pela sobrevivência.. 


"Aquele som me deixou nervoso, fechei o pulso e
comecei a socar as paredes, dando murros com
todas as forças que me restava.
Quando finalmente voltei até a porta do prédio, vi que
meus amigos tinham ido embora. Senti-me entorpecido."
(pág.166)


As perguntas de Jesse, Dave, Anna e Mini não param de surgir em suas mentes.. "O que será que houve?", "Onde foram parar aqueles que não estão infectados ou doentes?", "Quanto tempo o resgate demorará?", Será que o mesmo aconteceu em outras cidades ou somente ali em Manhattan?" .. 
E nós leitores não paramos de especular e criar teorias mirabolantes para tentar desvendar o que está acontecendo.. Só que aí vem o autor e te surpreende de forma incrível, que você jamais imaginou.. e aí James Phelan me ganhou completamente!


"Isso tem que ter sido coisa dos terroristas - disse Anna,
e nenhum de nós teve argumentos suficientes para discordar"
(pág.33) 


Um cenário pós apocaliptico para ninguém colocar defeito, muitos mistérios e surpresas aguardam você nas páginas de Caçadores - Sozinhos - Livro 01! Leiam e compartilhem a opinião de vocês!


"Eu estava sozinho, mas não por minha conta. Enquanto
corria, me escondia e fugia dos Caçadores, entendia isso mais do que nunca.
Eu sabia que meus amigos estavam comigo.."
(pág.180)


A história desenrola-se de maneira voraz nas 184 páginas e o mais interessante de maneira ímpar!

8 comentários:

  1. Nossa adorei a resenha!!! Não conhecia o livro ainda, mas agora estou desesperada pra ler!! Adoro esse tipo de livro!! Parabens pela resenha!!! Feliz Ano Novo!!!

    Bjssssssssssssssss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou!
      Curti muito essa leitura, achei interessante demais!
      Ao terminar continuei curiosa para saber de fato o que são essas pessoas que sugam qualquer líquido que esteja ao seu redor e porque alguns deles se alimentam de sangue e surgem mais fortes e verdadeiros Caçadores, impondo medo e terror em Jesse e seus amigos!

      Excluir
  2. Uau que livro louco!!! bom, nao costumo ler livros desse estilo pq nao curto filmes desse estilo ( tirando TVD e crepusculo.. pq enfim, é mais romance q sobrenatural! ) maaaas como eu nunca li um livro sobrenatural, vou me arriscar com esse pq amei a resenha... me deixou bem curiosa pra saber q trem aconteceu nesse acidente q resultou nessa loucura toda!!
    beijao

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jack, na verdade Sozinhos, não tem praticamente nada de romance, o Jesse está afim da Anna, mas a Anna, apesar de ter beijado ele em algum momento antes da história acontecer, não está nem aí para romance, todos estão preocupados em sobreviver.. sair desse caos, descobrir o que aconteceu..
      A história se passa em um cenário pós apocalíptico e nos mostra o caos e técnicas usadas pelo quarteto para sobreviver.. porém tem coisas peculiares que vão ocorrendo e que nos deixa confusos, e no final o autor explica.. o pq disso!

      Gostei muito mesmo! É um livro, que apesar do tema, achei leve de se ler.. pois não tem cenas de horror desenfreado, trata de perda, caos, sentimentos, sobrevivência de uma maneira mais leve!

      Na minha opinião um livro que pode ser lido em qualquer idade!

      Excluir
  3. A história parece ser muito interessante. Agora virou moda você escrever sobre esses temas tão repulsivos: zumbis, seres sugadores de sangue e não sei mais o que. Mais gostei da proposta e do tema. Os personagens também parecem ter personalidade e força, pra passar por tudo isso e ainda conseguirem sobreviver. Quero ler assim que puder. Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gostei bastante Beth, espero que tb goste!
      Beijos!

      Excluir
  4. Hum, interessante, fiquei curioso para saber o que raios essas pessoas são?
    Conta vai?

    ResponderExcluir
  5. Olá Karini!! OKK!! Você me conquistou com esta super resenha e já adicionei ele na minha lista de desejados!!Que legal esta historia e fiquei realmente super curiosa, pois amo vampiros e zumbis, mas um livro com este enredo ainda não...Fiquei super animada =)
    Beijos ♥

    ResponderExcluir