Resenha: Separados / Crônicas de Salicanda - Livro 02 - Pauline Alphen


No aniversário de treze luadas dos gêmeos Jad e Claris, o castelo de Salicanda estava em chamas. Por sorte, Jad conseguiu escapar do incêndio junto com seu amigo Ugh. E Claris, que tinha saído de casa, retornou a tempo de presenciar a catástrofe, mas não de encontrar Jad.Pela primeira vez separados naquele mundo quase medieval, sem tecnologia mas permeado de magia, no segundo volume da série Crônicas de Salicanda os gêmeos trilham caminhos diferentes, sem saber se um dia se reencontrarão. Enquanto Jad entra em contato com vibrações, cores e sons até então desconhecidos, Claris peregrina por cavernas e florestas e aprende uma nova forma de comunicação. Assim, cada um a seu modo, eles dão início ao aperfeiçoamento de seus talentos e se distanciam cada vez mais daquele tempo chamado infância.

Editora: Seguinte
 Ano: 2013
Edição: 1
Páginas: 256
 
Avaliação:3


Separados é o segundo volume das Crônicas de Salicanda de Pauline Alphen. 
Jad e Claris (os irmãos gêmeos) estão separados devido a um fato misterioso ocorrido no volume um e precisam descobrir o que aconteceu com eles e pouco a pouco isso vai ocorrendo, isso vai acontecendo de forma lenta, e vamos descobrindo os fatos juntamente com os personagens o que nos faz perceber seus sentimentos. Em Salicanda não se sabe o que aconteceu aos gêmeos e isso gera um certo "tumulto".

Os Gêmeos estão levando as coisas cada um a sua maneira. Enquanto Jad está aparentemente bem entrosado com a situação em que se encontra, Claris se desfaz a cada instante, pois seu sofrimento pela separação de Jad e de seu pai a está "matando" e é nos elementais que ela encontra forças para seguir adiante!
Jad ao menos tem a companhia de Ugh, porém ambos discordam de como agir ou seguir e precisam achar um meio termo onde os dois possam continuar.. Jad está confortável com sua vida atual, enquanto Ugh, apenas quer voltar para Salicanda!

Além desses personagens veremos o dia-a-dia de Maya, por exemplo, que perdeu seu esposo e uma de suas filhas desapareceu ela é ajudada por Blaise e por Falcão Branco que juntos vão a busca de respostas para o ocorrido em Salicanda!

Como no primeiro volume da série, ainda acho a narrativa da autora um pouco arrastada o que me cansou e desmotivou por diversas vezes; mas a história é interessante e por este motivo segui em frente e não me arrependo.. Mas é um livro para se ler quando está com bastante

Não vou entrar em detalhes sobre o primeiro volume, pois não sei se todos leram, mas podem conferir a resenha de Os Gêmeos AQUI!
Recomendo que leiam os livros e tirem suas próprias conclusões!


7 comentários:

  1. Ainda não li o primeiro livro da série. A história me chama a atenção, o enredo parece bom, mas o que me desanima um pouco é essa coisa da escrita ser mais arrastada, cansativa. Acho que é como você disse, tem que ler quando se tem tempo e disposição para esse tipo de história.

    ResponderExcluir
  2. Quando leio que a leitura tem momentos mais arrastados, eu já fico um pouco receosa. Não conhecia essa série, mas devo dizer que as capas são muito bonitas. Elas remetem a um enredo sobrenatural.

    ResponderExcluir
  3. Olá Kanine, tudo bem??
    Não li o primeiro livro desta série ainda, mas já li algumas resenhas de Gêmeos e estou em dúvida em relação a leitura...

    ResponderExcluir
  4. Oi,

    Não acompanho a série... pra falar a verdade nunca tinha ouvido falar =P rs'
    Mas, sinceramente não me chamou a atenção... não sei se foram seus comentários sobre a narrativa se arrastar ou só a sinopse que não me atraiu no momento... não acho que vou conferir =*

    ~> Beijusss...;*

    ResponderExcluir
  5. Ainda não tenho e não li o primeiro livro, mas ja faz parte da minha lista, mas não é uma das minhas prioridades!!! Gostei muito da resenha, ficou otima!!!

    Bjssssssssssssss

    ResponderExcluir
  6. Não sou muito fã de narrativas arrastadas. Por enquanto vou deixar a leitura pra depois, sem falar que nem li o primeiro volume hehe

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Não conhecia =/
    E não me cativou muito, sei lá... não me parece ser um livro que me agradaria mesmo. Acho que não leria, só se eu ganhasse é claro, aí eu leria.

    ResponderExcluir