Resenha: Todo Dia - David Levithan


Neste novo romance, David Levithan leva a criatividade a outro patamar. Seu protagonista, A, acorda todo dia em um corpo diferente. Não importa o lugar, o gênero ou a personalidade, A precisa se adaptar ao novo corpo, mesmo que só por um dia. Depois de 16 anos vivendo assim, A já aprendeu a seguir as próprias regras: nunca interferir, nem se envolver. Até que uma manhã acorda no corpo de Justin e conhece sua namorada, Rhiannon. A partir desse momento, todas as suas prioridades mudam, e, conforme se envolvem mais, lutando para se reencontrar a cada 24 horas, A e Rhiannon precisam questionar tudo em nome do amor.

Editora: Galera Record
Ano: 2013
Edição: 1
Páginas: 280
Tradutor: Ana Resende
Nota: 5 S2


Sabe quando terminamos uma leitura e temos saudades do que a história nos mostrou e para onde nos levou? Assim que me sinto nesse momento! Sou imensamente feliz por poder me emocionar com esta história intensa e honesta escrita por David Levithan - "Todo Dia". Se eu recomendo? Esta é uma leitura que terei imenso prazer em repetir diversas e diversas vezes.. E sei que sempre irá me emocionar pela verdade nas palavras escritas, pelos sentimentos impressos! Simplesmente apaixonante! E já desejo outras obras do autor, principalmente Will & Will.

Todo Dia nos conta a história de A. um ser que muda de corpo a capa dia e vive desta forma desde que se entende por gente. A. aprendeu muito ao longo dos seus anos de "existência", pois passando por diversos corpos ele pôde perceber coisas que outras pessoas jamais perceberiam, pôde valorizar sentimentos e ser muito perceptível, pois com uma existência como a sua o aprendizado é o que há de se levar a cada dia em um novo corpo. 

A. já se sentiu confuso diversas vezes e desejou ter uma vida normal, porém com o passar dos anos apenas acomodou-se e viu que passar de corpo em corpo por um dia, era o que estava reservado para si.. Até que acorda no corpo de Justin e conhece Rhiannon; seu primeiro amor de verdade, alguém por quem se apaixona e alguém que o faz desejar que sua vida fosse diferente e até mesmo a ter esperança, que mesmo com sua vida nada comum, possam de alguma forma ficar juntos.. Mesmo que ele esteja em um corpo diferente a cada dia! A.confia seu segredo a Rhiannon que aos poucos vai aceitando ele como é e também o ama com muita intensidade! Porém é de se imaginar que não é nada fácil viver com alguém que a cada dia está em corpo diferente e eles têm vários conflitos por conta disso. 
A.acredita que ele é o único a viver desta forma, pois em toda sua existência jamais encontrou alguém como ele, até que ele acorda no corpo de Nathan e acredita estar vivendo apenas mais um dia.. Porém ao deixar o corpo de Nathan, o mesmo lembra-se de ter sido "possuído" e acredita que foi obra do diabo. A. não entende porque desta vez foi diferente, porque Nathan lembrou-se! Nathan irá atormentá-lo até que eles se encontrem e apresenta A.ao pastor que na verdade não é pastor e sim outro ser como ele que está habitando o corpo do pastor. A.fica curioso, porém pressente que aquele ser não é exatamente como ele.. Que aquele ser é ruim. Descobre através de este ser que é possível ele habitar o mesmo corpo por vários dias ou para sempre.. A.sente desejo de descobrir como ao mesmo tempo em que sabe que isso não é certo! Porém sua confusão se dá por causa de Rhiannon, pois se ele puder aprender a habitar o mesmo corpo poderia ter uma vida, um futuro! O que será que A fará? Leia e descubra!

Todo Dia é um livro que te cativa e te emociona a cada virada de página, pois é impossível não sentir-se conectado a A. ou mesmo sentir tristeza por A não poder ter o que todos nós temos.. Uma vida com amigos, rotina, pais, relacionamentos, escolhas! A, não tem escolha, simplesmente é sugado para um novo corpo a cada amanhecer! 
O interessante é que o autor não nos dá uma definição de A. ser homem ou mulher, A é simplesmente A, alguém que pode acordar tanto como mulher como homem e que convive tranquilamente com essa coisa do sexo. A não se importa em acordar como mulher e beijar Rhiannon ou acordar como homem e fazer o mesmo. Já Rhiannon sente-se bem mais a vontade quando A está em um corpo masculino ou com uma aparência descente e com isso percebemos que para nós o exterior é tão importante quanto o interior! Já para A o seu eu interior é um pouco de tudo! É completo a sua maneira.. E A valoriza o interior e não a aparência.. Rhiannon poderia ter qualquer aparência que mesmo assim A iria amá-la e desejá-la, pois ele pôde ver o que muitas pessoas não veem a alma de Rhiannon, a profundidade de sua existência!

Acho melhor eu parar por aqui, pois sinto que sou capaz de falar sobre Todo Dia até ninguém aguentar mais me ler! rs

E gente, o que me impressionou mais ainda, foi o tamanho do altruísmo de A. A bondade que habita em seu interior, pois mesmo desejando Rhiannon com toda sua existência, A. é capaz de tudo para vê-la feliz sem prejudicar os corpos que habita!

Encantada demais por esta história! 



49 comentários:

  1. Oi, :)

    Essa história já tinha me conquistado pelos vários trechos dela que eu tinha visto por ai e que eram completamente lindos, poéticos até e muito cativantes *----*

    Sua resenha só complicou as coisas pra mim! rs'

    Estou ainda mais curiosa, parece ser uma história muito sensível e A. parece alguém incrivel de 'se conhecer' =]

    ~> Beijusss...;*

    ResponderExcluir
  2. Esse é o livro que eu mais quero ler no momento!! Tou muito curiosa pra saber como, porque isso acontece com ele. Parece ser mesmo daqueles livros que a gente passa dias depois pensando na história.
    Que bom que você gostou *-*

    ResponderExcluir
  3. O David Levithan é um desses autores que eu ouço muito elogios, mas nunca li nada... Achei a história desse livro muito bacana, imagina ficar mudando de corpo todo santo dia? Uau!
    Além disso, todo mundo que eu conheço está falando bem desse livro, o que significa que minhas expectativas estão bem altas...
    Fico curiosa querendo saber como é que o A e a namorada conseguem se encontrar, se no próximo dia ele pode ser qualquer pessoa... Acho que só lendo vou entender, hahaha.
    Beijos!
    Isa.

    ResponderExcluir

  4. Desde que soube que a editora iria trazê-lo que eu o quis. Sei que será um livro que me destruirá, mas eu quero muito ler. Preciso me afogar nessa história o quanto antes.

    bjus
    terradecarol.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Adorei sua resenha hahaha e A. me lembrou muuuito de Pretty Little Liars, mas só por causa do nome mesmo rss

    XOXO
    umnovo-roteiro.blogspot.com

    PS: caso alguém esteja querendo mudar sua lay, tem uma promoção de template aqui: http://umnovo-roteiro.blogspot.com.br/2013/09/promocaoo-de-template.html

    ResponderExcluir
  6. Oi!!!
    Essa estória é bem diferente, hein!! Adorei a resenha! Agora, PRECISO demais ler esse livro!!!
    Me empolgou muito!

    lendoebebendo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  8. Um dos lançamentos que eu mais quero ler, adorei a capa e o enredo e até agora só li resenhas positivas, inclusive gente dizendo ser um dos melhores livros que já leram na vida (parece que você é uma delas, hehe), então não tem como ser ruim. Nunca li nada do autor, até tenho Will & Will mas ainda não li e não estou tão empolgada com ele quanto estou com Todo Dia. Espero conseguir ler em breve. Ótima resenha ;D

    ResponderExcluir
  9. Achei a história desse livro bem interessante e li alguns quotes reflexivos do livro que me fizeram querer lê-lo. Simplesmente adoro livros que promovem reflexão S2!

    E parece que vc curtiu bastante o livro hein?!

    Miquilis: Bruna Costenaro

    ResponderExcluir
  10. Estou muito curiosa para ler esse livro. A história de "A" realmente parece ser algo diferente e emocionante. Além de a capa ser perfeita!

    ResponderExcluir
  11. Que o livro cativa e emociona fiquei encantado por essa parte, mas que o personagem principal não tinha nome era novidade pra mim, na realidade só fui reparar isso agorinha... Bem, eu adoro a escrita desse autor e com certeza vou gostar da vibe que esse livro vai passar, aliás todos os livros dele são ótimos!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  12. @♪ Dαyαnє ♪

    A. é muito especial sim Dayane.. Alguém que tenho certeza cada um de nós gostaríamos de conhecer ou ser um cadinho como ele!

    A história é muito sensível e poética!
    Amei cada página!

    ResponderExcluir
  13. @cristiane

    Cristiane, não quero te desapontar, mas como ou pq.. nós não iremos descobrir com a leitura.. pois esse não era de fato o objetivo do autor.
    E pelo que sei é um livro único. Não tem continuação!

    A questão nessa história é que A.se conforma com o tipo de vida que leva e tenta ser o melhor que pode a cada dia. Ele detém poder em suas mãos de destruir ou melhorar a vida das pessoas e geralmente, sua escolha é simplesmente não interferir, pois não se sente no direito, ele acredita que as escolhas são pessoais de cada indivíduo que habita.

    Porém o interessante é a possibilidade que encontra em ficar com o amor de sua existência, já que ele descobre que existe outros como ele e que um determinado ser como ele lhe promete ensinar como fazer isso.. como habitar o mesmo corpo para sempre e ter uma vida.. mesmo que isso signifique "assassinar" aquele que nasceu com aquele corpo.. e aí A.terá de fazer a escolha mais difícil de sua existência.. pensar no que vale a pena.. pensar em suas crenças.. e usar a sabedoria para realizar a escolha certa!

    Eu particularmente, gostaria muito de ler a continuação dessa história, pois ela não termina de fato.. e queria muito saber o que vem a seguir!
    Mas pelo que soube da Editora, não teremos mesmo continuação! Infelizmente! Pois Todo Dia, daria uma bela trilogia com muitas reviravoltas e talvez respostas que eu tb gostaria de ter tido, como pq ou como? E até mesmo o que exatamente é A?

    ResponderExcluir
  14. @Isabella Pina

    Só lendo para você entender como a relação deles funciona Isabella. Garanto que é bem interessante!
    Leia!

    ResponderExcluir
  15. @Carol Teles

    Carol, cada hora gasta vale muito!
    Eu não sei dizer se me senti triste ou alegre com a história.. na verdade tive um misto intenso de sentimentos e desejos de escolher pelos personagens e apostar diferente em alguns momentos!

    Uma história muito sincera! Amei!

    ResponderExcluir
  16. @Tainara H.

    Tainara.. Leia Todo dia, não irá se arrepender. Não posso dizer que é a melhor história que já li na vida.. pq, quando gosto muito de um livro, ele torna-se favorito e querido.. o melhor.. até aparecer o próximo! auaua
    Papo de viciada em leitura sabe!

    E quanto ao Will e Will, eu não tinha vontade de ler, até terminar Todo Dia.. Preciso conhecer mais obras do autor e conferir se ele é divino em todas as suas criações!
    Aceito de presente se quiser me enviar! auauaua

    ResponderExcluir
  17. @Bruna Costenaro

    Curti sim Bruna.
    Assim que tiver oportunidade leia e me diga o que achou!

    ResponderExcluir
  18. @Thais Pampado

    Capa linda! História incrível.. dessas que fica na memória e te faz refletir!

    ResponderExcluir
  19. @Rafael Fernandes

    Pois é Rafael, achei diferente o personagem principal não ter um nome.. Ele simplesmente vive assim desde que nasceu. Não se lembra de algum dia ter tido uma família ou um nome.. e escolheu a letra A como nome para definir o começo de seu ser.

    Bem interessante!

    ResponderExcluir
  20. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  21. Oiiiiiiiiii
    Já ouvi falar mt bem desse autor mas nunca li nd dele
    e esse livro tá sendo mt bem falado, mais um q tá na listinha p compra! Mt boa sua resenha, me deixou com mais vontade de lê-lo!

    Bjoooooooos

    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  22. Quando li do que se tratava a trama, fiquei bem curioso. Confesso que sou um pouco "quadradinho" em relação a personagens que não tem uma personificação sólida. Mas, nesse caso, a ideia do autor foi tão criativa que acabou me deixando bastante curioso. O legal nisso tudo, é colocar dois exemplos de modos de se pensar. Um que preza pela beleza exterior, e outro a beleza interior.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  23. Estou aqui morrendo de vontade de ler o livro, por ter uma premissa inovadora e bem original!

    ResponderExcluir
  24. Já ouvi muito sobre esse livro. É com certeza bem diferente. Mas.. no final, não faz exatamente o meu estilo. não sei. talvez as coisas venham a mudar XD

    ResponderExcluir
  25. Todo mundo quer ler esse livro kkkk Achei a história muito interessante e curiosa, nunca li nada do autor mas tenho muita vontade de ler Todo dia. E queria entender como A. faz isso mas acho que não é revelado no livro, né?

    ResponderExcluir
  26. Oi Karini, tudo bom? ((:
    andei vendo esse livro em algumas "Caixinhas de Correio" e também alguns canais literários que acompanho postando resenhas... as quais ainda não assisti ]: ausdhiuashdhuaisd. Mas em um geral, pude perceber que a grande maioria dos leitores adoraaaaram essa história, o que só contribui para aumentar ainda mais a minha curiosidade! *u*
    Não é o tipo de livro que eu estou habituada a ler, mas depois de tantos elogios, fica difícil não dar uma chance né? ashdhasuihdiuahsdiusd. Com certeza entrou para a minha lista de desejados! ^-^

    Beeeeijinhos e um ótimo final de semana! :*
    www.inconstantecontroversia.blogspot.com

    ResponderExcluir
  27. Adorei a sinopse e achei que deve ser uma viagem não ser vc mesmo por 2 dias seguidos... Sem rotina e nada previsível... quanta instabilidade, é de enlouquecer!
    Será um grande amor capaz de transformar essa situação adversa em algo que realmente exista? Será o amor a única fórmula e força que resolva esse problema?

    ResponderExcluir
  28. Adorei a sinopse e achei que deve ser uma viagem não ser vc mesmo por 2 dias seguidos... Sem rotina e nada previsível... quanta instabilidade, é de enlouquecer!
    Será um grande amor capaz de transformar essa situação adversa em algo que realmente exista? Será o amor a única fórmula e força que resolva esse problema?

    ResponderExcluir
  29. Adorei a história desse livro...cativante, emocionante e a leitura flui!! Com certeza irei ler.
    Parabéns pela resenha

    ResponderExcluir
  30. Estou bem curiosa pra ler por causa de tudo novo que tem nessa leitura, nossa como deve ser acordar cada dia num corpo diferente, não sei se ia gostar mas a experiencia por pouco dias ir ser incrivel, todo mundo gostando muito e estou doida pra ler também.

    ResponderExcluir
  31. KARINI!
    Muito interessante a abordagem do autor sobre o assunto. E também a criatividade porque viver em um novo corpo a cada dia sem se envolver, é complicado.
    A resenha ficou maravilhosa, nem detalhada e nos mostra o ue poderemos encontrar no livro.
    Quero uma dia poder acompanhar a 'agonia de A.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  32. o.O

    OMG, sua resenha me surpreendeu! Não sabia que o livro iria tão fundo! Tem até pastor no meio uia, fiquei muito curiosa para ler sobre A (Menina, o fato dele não se importar em vir homem ou mulher me impactou um pouco... e em parte eu até entendo a guria dele, não quanto a beleza mas sim é vir uma mulher... longe de mim ser preconceituosa hahaha mas a situação deve ser surreal, e infelizmente a aparência é um fato que conta muito hoje em dia :P )
    Vou colocar na minha lista de desejados ;)

    Beijos,
    Jhey
    www.passaporteliterario.com

    ResponderExcluir
  33. Louca pra ler! A história parece ser muito boa! Ótima resenha (:

    ResponderExcluir
  34. Ler uma resenha escrita com tanta paixão é realmente inspirador. Eu já tinha vontade de ler o livro, após dua resenha, fiquei ainda mais curiosa. O livro me chamou atenção desde que li a sinopse. Achei super interessante e diferente de tudo que venho lendo. Ao mesmo tempo, me senti meio claustrofóbica com essa ideia de todo dia ser uma pessoa totalmente diferente. Deve ser bem opressor não poder ter uma vida sua, não poder escolher e assumir as consequências. Mas como em todo bom romance, o amor aparece para bagunçar tudo que estava arrumado. Quero muito conhecer A. E aqui faço uma pergunta para você Karini. Na sua resenha, você comenta que o autor não nos diz se A é homem ou mulher, o que você acha? O que você sentiu?


    Beijos.

    ResponderExcluir
  35. Vanessa, quando ler o livro irá perceber que A. está muito além de nossas convicções e do que temos como "fórmula" pré moldada.

    No começo idealizei A. como homem, afinal temos já em nossa mente, apesar de toda liberdade em que vivemos atualmente, casais "certinhos". Mas o que é interessante na escrita de Levithan, é que depois que seguimos com a leitura, já não nos importamos se A. é homem ou mulher.. Pois A. está além de definições, A. é um ser muito mais profundo e não importando o sexo, seria alguém que certamente todos nós teríamos imenso prazer de amar! A. não está ligado a aparências ou questões superficiais, A.é simplesmente A. e isso me bastou! rs
    A única curiosidade que me pegou e até hoje ainda me vem na mente, é sabero que exatamente A.é!? Nossa.. Como gostaria que essa história tivesse continuação.

    ResponderExcluir
  36. Leia já! rs
    Meu livro preferido.. Que terei prazer em reler em algum momento!

    ResponderExcluir
  37. Sim, nós vivemos presos as aparências e definições.. E as coisas que estão enraizadas no nosso íntimo. Porém é justamente pelo autor ter criado um personagem que não se importa com nada além do que somos por dentro que fiquei tão cativada.
    Claro que isso, na nossa realidade seria algo extremamente devastador.. Porém na história de Levithan é algo tão delicado e natural que simplesmente nos vemos presos as páginas e até mesmo imaginando como seria algo assim! Como reagiriamos se fosse conosco!

    ResponderExcluir
  38. Rudy, quando tiver oportunidade leia e compartilhe comigo a sua opinião! Achei a história fantástica!
    Espero que também goste!

    ResponderExcluir
  39. Particularmente não iria gostar nada da experiência de acordar em um corpo a cada dia.. Sou uma pessoa que gosta de laços, raízes e isso p.mim seria a morte!

    Porém como dizem: "o ser humano é como camaleão e se adapta a tudo".


    Mas honestamente, jamais iria querer viver dessa forma, mesmo que isso me trouxesse a experiência de A. E me fizesse ver a vida com olhos mais profundos.. Acredito que seria imensamente solitário viver assim!

    ResponderExcluir
  40. Manu, o interessante na história é que torcemos loucamente pelo casal, mesmo sabendo ser impossível ou errado.. E o final, com certeza nos surpreende por todo o altruísmo de A.

    ResponderExcluir
  41. Minha opinião foi totalmente sincera Rafaela, eu não sou daquelas que elogiam um livro por causa de parceria ou nada do gênero.

    E esse livro nem recebi na parceria.. Foi comprado e amei d+ Espero que goste tanto quanto gostei.

    Compartilhe suas impressões comigo quando ler! É sempre bom poder conhecer o que outras pessoas acharam da leitura que fizemos!

    ResponderExcluir
  42. Não é revelado não Letícia.. E isso me enlouqueceu um pouco e me deixou com gosto de quero mais!
    Porém infelizmente não tem continuação! :(

    ResponderExcluir
  43. Quem sabe Mandaa.. Se o ler compartilhe suas impressões!

    ResponderExcluir
  44. Ah Dom.. acredito que irá se surpreender muito com essa história. Também não achava que seria meu tipo de livro e veja o que aconteceu! Me apaixonei! rs

    ResponderExcluir
  45. Foi a primeira vez que li algo do autor.. e estou tão encantada que quero mais títulos dele!

    ResponderExcluir
  46. Ai, como é delicioso ler uma crítica, e perceber o quanto a pessoa amou aquela história... se envolveu e se encantou com cada linha escrita pelo autor. Acho que isso desperta ainda mais a curiosidade em nós, que estamos lendo a resenha. Desde o lançamento de Todo Dia, eu o estou desejando... e, esse desejo só aumentou agora. Pelo que pude perceber, esse é o tipo de história que gruda no coração, que nos transforma, que é levada pra sempre conosco. E, mal vejo a hora de ter esse livro em mãos... e desfrutar de toda essa emoção. Adorei a resenha! Parabéns. Beijocas.

    ResponderExcluir
  47. Me apaixonei por este livro a partir desta resenha!! Meu Deus, não pensava que o livro fosse tão bom e cativante assim *o* Eu o quero!! Heheheh, ao ler sua resenha, fiquei imaginando como seria a vida de A, deve ser muito difícil a cada dia viver em um outro corpo, imagina o quão isso torna complicado seu relacionamento com Rhiannon, como deve ser não saber com que modo de aparência ele irá aparecer na próxima vez que se verem, como ela sempre irá reconhece-lo? Conforme o que você disse de A, ele deve ser muito fofo, aqueles personagens que a gente se apaixona de vez quando o "conhece" melhor (Obs: Você me deixou com altas expectativas sobre ele, UHASHAHSAHUSA). Estou com muita vontade e curiosidade para ler este livro (Já vou avisar para algumas pessoas o que podem me dar de presente u.u).
    Óotima resenha, parabéns!! *--*

    ResponderExcluir
  48. Adorei a temática de Todod Dia, totalmente inusitada. Acho q poucas pessoas poderiam ter imaginado uma prisão tão diferente como essa q é estar preso ao corpo de pessoas diferentes a cada 24 horas. Bela resenha. Merece sim, ser lido!

    Adriana Medeiros

    minhavelhaestante1.blogspot.com

    ResponderExcluir