Resenha Nacional: "Azar o seu!" - Carol Sabar


"Bia está parada num engarrafamento no Rio de Janeiro, pensando em sua vida azarada. Sem emprego, atolada em dívidas, ela não imagina que está prestes a viver a grande coincidência da sua vida. O motorista do carro ao lado está buzinando, tentando se comunicar com ela, como se fosse um velho conhecido... E ele é! Mas Bia não o reconhece. E como poderia? Ele é um homem, não mais o garoto de dez anos atrás. Está mais encorpado, cortou o cabelo, livrou-se do aparelho nos dentes e das espinhas do rosto, está tão diferente, tão lindo... O motorista sai do carro, mas não tem tempo de se explicar, pois começa um violento tiroteio e eles têm que se jogar lado a lado no asfalto. Certa de que está prestes a morrer, Bia entra em desespero e se prepara para dizer suas últimas palavras, na esperança de que o suposto desconhecido deitado ao seu lado possa levar um recado a Guga, seu amor da adolescência, sem perceber que é ele próprio que está ali, ouvindo a inesperada declaração de amor! Os dois escapam juntos do tiroteio e, a partir daí, começam a se envolver, dia após dia... Guga, sem coragem de assumir sua verdadeira identidade. Bia, fascinada por ele e feliz consigo mesma por finalmente estar se apaixonando por alguém que não é Guga... Azar o seu! vai além de uma comédia romântica. É uma reflexão sobre a importância da amizade verdadeira, do perdão e do autoconhecimento, que nos resgata o poder de decidir sem medo e de reverter escolhas que nos impedem de ser feliz".
Editora: Jangada
Ano: 2013
Edição: 1
Páginas: 368
Avaliação: 5 S2
Skoob: Clique aqui

Eu já havia me apaixonado pela escrita da autora Carol Sabar no livro anterior ("Como (quase) namorei Robert Pattinson"). A autora consegue mesclar romance e humor com naturalidade, deixando as cenas e falas fluírem naturalmente. A sinopse explica bem a trama principal do livro, então vou focar a resenha mais nos personagens. 

"Ana Beatriz (Bia, para os amigos) é uma garota de 25 anos, estatura mediana, pele clara, cabelos castanhos com reflexos dourados e olhos muito azuis. Graduada em administração de empresas pela Universidade Federal de Juiz de Fora. Pós-Graduada em logística empresarial e em métodos estatísticos e computacionais. Fluente em inglês e com mais de vinte minicursos no currículo". (p.09)

Bia é uma jovem totalmente focada em seu trabalho e infelizmente, está desempregada. Na verdade, Bia encontra-se em uma grande maré de azar, e acaba indo trabalhar na floricultura "Quatro estações", cujo proprietário é o seu pai, Válter Guimarães. Além dos dois, na floricultura ainda trabalha a Joana. 
Após sofrer esse episódio marcante na sua vida (o tiroteio) e ser salva pelo misterioso rapaz, Bia começa a analisar a sua vida e seu primeiro amor, aquele que ela nunca esqueceu: Guga.

"Ele. O garoto por quem eu nutria uma paixão secreta, o amor da minha vida, meu amigo de infância. Ele, meu colega de classe no Conservatório Estadual de Música, o guitarrista e vocalista da banda Moscas da Sopa. Ele, de cabelos compridos abaixo dos ombros (aos 15 anos, eu tinha uma quedinha por roqueiros convictos), o irmão de Raíssa, a serenidade em forma de gente: Gustavo Vitorazzi". (p.12)

O livro mostra como Bia, Raíssa e Guga eram inseparáveis. Como cresceram e aprenderam juntos. Bia tem essa paixão secreta pelo irmão da melhor amiga e é uma paixão genuína, pois pela descrição do adolescente desengonçado que Guga foi, fica claro que ela se apaixonou por ele por quem ele é e não por como ele se parece. Surge uma oportunidade de Guga estudar no exterior e ele simplesmente some, não manda mais notícias... o que acaba quebrando o coração da Bia.
Com suas inseguranças pessoais, e receio de ser abandonada, Bia foca-se exclusivamente na área profissional, abandonando também seus sonhos pessoais. 
Esse Cara que aparece em sua vida após o incidente é totalmente carismático, lindo e tentador. E é totalmente familiar para Bia, apesar dela não saber de onde o conhece! (Bia, acorda! É o Guga!). O Cara torna-se muito insistente, e entre o desenvolvimento dessa nova amizade, novos e antigos sentimentos veem à tona. Tudo isso regado com uma trilha sonora excepcional!

"Você precisa saber que é a garota por quem me apaixonei duas vezes. A primeira e a última. A única. Eu me apaixonei por você, Bia. Eu estou apaixonado". (p.168)

Outros personagens como a Fernanda, a Luciana, a Raíssa Vitorazzi e o Olavo Bonsanto integram essa trama. 
Para quem acredita que o livro é unicamente uma comédia romântica, se engana. A autora proporciona aos leitores também a reflexão de valores, a análise da família e de verdadeiras amizades. 
Com bom humor e inteligência, Carol Sabar criou uma obra inesquecível. Um livro com direito a suspiros, lágrimas e risadas.
Em relação a revisão, diagramação e layout a editora está de parabéns pelo trabalho. A capa contêm diversos elementos da história: as flores, música e a sensação de amor no ar!

" - Você sempre sonhou com essa música dos Beatles, Bia... A Raíssa achou melhor deixá-la para você.


- Deixá-la para mim?

- Você vai entrar duas vezes com essa música - explicou - Hoje, como madrinha. E no dia do meu casamento, quando você for a noiva". (p. 322)



12 comentários:

  1. Ai também me apaixonei pela escrita divertida da Carol Sabar em Como (quase)namorei RP :D Antes de viajar comecei a ler o Azar o Seu! e quase morro de rir com a Bia nas primeiras páginas ahaha muito louquinha ela nas páginas do tiroteio. Vou continuar a leitura ainda (Esqueci de levar o livro na mala tsc tsc fiquei triste até) mas já estou de volta e irei me adiantar nas leituras logo. Adorei os quotes do livro :)

    Beijos,
    Jhey
    www.passaporteliterario.com

    ResponderExcluir
  2. Ahhh eu amo Chick-Lit, desde que li Como Quase Namorei Robert Pattinson fiquei apaixonada pela escrita da Carol Sabar! Até agora quase não vi criticas sobre Azar o Seu, não vejo a hora de ler.
    Beijos :)

    ResponderExcluir
  3. Estou louca para ler o outro livro dela que tem a menina que ama o Robert Pattinson, este livro também via entrar para minha lista!
    http://leituramagnifica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Já li outras resenhas dessa trama e foram bem positivas.
    Parece bem divertida, :)

    ResponderExcluir
  5. Oi, :)

    Não li o outro livro dela, mas dá pra acreditar que você fez com que eu me apaixonasse só pela resenha *------* kkk'

    Sério, quero ler agora :)

    Misturar romance, humor e ainda conseguir dar esse 'algo a mais' do qual você falou na resenha, isso dos livros serem capazes de dar ao leitor um novo olhar sobre sua própria vida... Quero conferir o/

    ~> Beijusss...;*

    ResponderExcluir
  6. Eu quero tanto esse livro, ele parece tão engraçado e divertido, o tipo de livro que eu gosto. Estou torcendo para alguma alma caridosa me dar ele de aniversário.

    ResponderExcluir
  7. To louca por esse livro *-* vi varias resenhas sobre ele e me apaixonei ! A Bia tem um jeito de ser louquinha hein? Haha

    Beijos
    @heynaninha

    ResponderExcluir
  8. Carol, estou lendo o livro e amando o humor da autora. O livro prende o leitor do início ao fim. Louca para saber como essa trama acabará.
    Recomendo a leitura!
    bjs no core

    ResponderExcluir
  9. Nossa, me apaixonei pelo o livro! Livros nacionais ultimamente estão tudo de bom. Parabéns pela resenha, me fez criar cada vez mais expectativas para lê-lo.

    Beijo,
    http://rosa-amarelo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Um dos meu livro favoritos desse ano, me diverti bastante com a Bia, o Guga é um fofo! A bia é hilária, com pensamentos muito engraçados, impossível não se apaixonar por esse livro!

    Beijos,
    lovesbooksandcupcakes.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. A Carol é uma fofa *-*
    Sempre tive curiosidade para ler o livro dela ♥
    Espero ter a oportunidade em breve.
    Resenha perfeita *----*
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Eu nunca li nenhum livro dá Carol e tenho muita vontade de ler!!!
    Amo a sinopse De Azar o Seu, parece um livro super fofo!!! Espero ler em breve!!

    ResponderExcluir