Resenha: "Profundamente Sua" - Série Crossfire - Livro 02 - Sylvia Day


"Gideon Cross. Ele é tão bonito e perfeito do lado de fora quanto é danificado e atormentado no interior. Ele era uma chama brilhante e ardente que me chamuscou com o mais escuro dos prazeres. Eu não poderia ficar longe. Eu não queria. Ele era o meu vício... meu desejo... todo meu. Meu passado foi tão violento quanto o dele, e eu estava tão machucada. Nós nunca iríamos ser normais. Era muito difícil, muito doloroso... exceto quando era perfeito. Aqueles momentos em que a voragem do amor desesperado eram a loucura mais requintada. Fomos completamente subjugados pela nossa necessidade. E a nossa paixão nos levaria além dos nossos limites para a mais doce borda da mais nítida obsessão".

"Profundamente sua" é o segundo livro da série Crossfire, e começa exatamente onde terminou o "Toda Sua". O conturbado e recente relacionamento entre Eva e Gideon passa por uma montanha russa emocional.

"Não fazia muito tempo que éramos um casal. Menos de um mês. Para piorar, nenhum dos dois tinha experiência em um relacionamento como aquele - uma relação em que nenhuma das partes precisava se preocupar em fingir que não era profundamente traumatizada". (p.10)

Um dos pontos positivos desse segundo livro, é um maior foco no lado emocional, ao invés de se focar apenas no sexo. Não se enganem, Eva e Gideon não podem nem se ver que já estão se agarrando, mas pelo menos temos alguns intervalos e a autora trabalha no trauma da Eva, e seu maior pesadelo.


"Apesar de valorizar sua tentativa de melhorar o clima, percebi que sua intenção era me manter a salvo de alguém... Nathan... O escudo do anonimato, que me protegera durante anos, fora esfacelado quando nosso relacionamento veio a público". (p.13)

Outro detalhe interessante é que Eva começa a abrir um pouco suas asas e fazer novas amizades, como a Megumi, que é recepcionista no trabalho (muito engraçada e romântica), o seu chefe Mark Garrity e o namorado, além de Cary, é claro. Ainda nesse livro vemos o amor incondicional entre Eva e seu pai, Victor Reys. 

Cary para estar rumo a uma espiral de auto-destruição. Chega a ser doloroso observar o quanto ele se afunda cada vez mais, principalmente com a Tatiana Cherlin. 
Gideon, bom.... continua sendo o Gideon. Obcecado e controlador, em alguns momentos chega a dar nos nervos. E logo em seguida consegue se abrir e se mostrar totalmente romântico.
"Ninguém tinha me visto antes Eva. Você foi a única". (p.16)

"Você é o maior risco que eu já assumi... E o maior prêmio que já ganhei". (p.78)

E claro que junto com Gideon nós temos uma fila de exs totalmente malucas como a Corinne e a Madgalene, um relacionamento destrutivo com o doutor Petersen e com o seu meio-irmão, Christopher Vidal Jr. Mas nem tudo está perdido. Acredito que seja possível existir um relacionamento entre Gideon e sua meia-irmã Ireland.
No livro há uma virada interessante, que é a inclusão de Brett, um ex-namorado da Eva. Não posso dizer que não fiquei feliz com isso, porque Eva passou o livro anterior tendo que lidar com as ex-psicos. Brett é um personagem bem intrigante, charmoso e não é uma opção ruim.
Boa parte da leitura eu passei frustrada tanto com Gideon quanto com Eva. Com ele por ser um completo babaca (desculpem o meu francês) e ela por ser uma bobona, que sofre, sofre e volta correndo.
É evidente o amadurecimento dos personagens nessa continuação e até mesmo na escrita da autora, graças a alternância entre o emocional e o carnal dos personagens. É um livro gostoso de ler, mas sem pretensão. Não tem um elemento forte, mas é uma leitura que consegue prender o leitor, seja por ficar com raiva dos personagens ou por ficar preso na montanha russa emocional que é esse relacionamento.
Em relação a revisão, diagramação e layout, a editora está de parabéns. A capa segue o primeiro livro, mas particularmente não chamou a minha atenção.
"Estou obcecado, meu anjo. Viciado. Você é tudo o que eu sempre quis e precisei, tudo com que sempre sonhei. Você é tudo. Eu vivo e respiro por você. Por você". (p. 239)
Edição: 1
Editora: Paralela
ISBN: 9788565530194
Ano: 2012
Páginas: 250
Tradutor: Alexandre Boide
Skoob: Clique aqui
Avaliação: 3

4 comentários:

  1. Eu amo essa série!!! Muito!!! Embora no terceiro as coisas fiquem piores..... Eu gosto muito do tipo de personagem do Gideon!!! Não sei o q a autora vai inventar em mais dois livros, mas espero q a série continue boa....

    ResponderExcluir
  2. Eu sou muito fã de livros desse gênero, mas tenho um pouco de vontade de ler essa série. Espero gostar :)

    ResponderExcluir
  3. Oi, :)

    Ainda não li o primeiro, embora tenha ouvido tantos comentários positivos a respeito dele. Gosto desses personagens que tem...'carga emocional' rs' Não sei, acho que é mais fácil vê-los como humanos quando sabemos o seu passado. Fiquei curiosa, mesmo pelas falhas que você apontou... ela voltar correndo e coisas assim, que sempre me irritam em personagens rs' E também isso:

    "Com ele por ser um completo babaca (desculpem o meu francês)" Ri alto aqui O.o' kkkk'

    Ótima resenha o/

    ~> Beijusss...;*

    ResponderExcluir
  4. Não tenho a mínima vontade de começar essa série, tbm nem posso ler eróticos pq sou menor de idade, mas quem sabe um dia...

    ResponderExcluir