Resenha:Divergente - Veronica Roth



Sinopse:

Numa Chicago futurista, a sociedade se divide em cinco facções – Abnegação, Amizade, Audácia, Franqueza e Erudição – e não pertencer a nenhuma facção é como ser invisível. Beatrice cresceu na Abnegação, mas o teste de aptidão por que passam todos os jovens aos 16 anos, numa grande cerimônia de iniciação que determina a que grupo querem se unir para passar o resto de suas vidas, revela que ela é, na verdade, uma divergente, não respondendo às simulações conforme o previsto.
A jovem deve então decidir entre ficar com sua família ou ser quem ela realmente é.
E acaba fazendo uma escolha que surpreende a todos, inclusive a ela mesma, e que terá desdobramentos sobre sua vida, seu coração e até mesmo sobre a sociedade supostamente ideal em que vive.

Ao iniciar essa leitura eu pensei: “Mais uma distopia e certamente bem parecida com as demais", porém tive uma grata surpresa ao concluir que Divergente me ganhou já nas primeiras páginas. E antes de tudo, esse não é um livro adquirido através de parceria. Este livro foi comprado com meu dinheiro e digo de passagem.. Dinheiro bem gasto!

Divergente nos traz um cenário distópico, onde será retratado tudo que já temos conhecimento, crítica à sociedade, luta por liberdade e etc. Porém, eu que pensei que seria uma dentre tantas distopias, fiquei realmente surpresa que apesar do tema estar atualmente na moda, Veronica Roth soube de fato se sobressair me deixando louca de vontade de ler a continuação!

Em Divergente temos personagens fortes, atraentes, determinados, cativantes e também confusos, que erram, possuem defeitos e etc., como qualquer ser humano. Não há um personagem nessa história que eu possa criticar e dizer que é chato ou mal elaborado. São todos bem construídos e singulares!

A história se passa em um cenário pós-apocalíptico, na cidade de Chicago. A sociedade em Divergente é construída nesse cenário e dividida em cinco facções: Abnegação, Amizade, Audácia, Erudição e Franqueza. As pessoas dividem-se nessas facções de acordo com as qualidades esperadas para integrar as mesmas. 

Detalhando um pouco sobre as facções:

Abnegação: os cidadãos devem ser altruístas, solidários, não ostentar qualquer sinal de grandeza e sempre pensar no próximo em primeiro lugar!

Amizade: São cidadãos gentis e amigáveis sempre!

Audácia: Constituída por pessoas destemidas, corajosas, e preparadas para a luta!

Erudição: Seus integrantes são pessoas inteligentes e que buscam a todo instante conhecimento, poder e usam disso para estar acima das outras facções!

Franqueza: Constituída por pessoas que não conseguem mentir, que dizem a verdade nua e crua mesmo que a mesma magoe ou humilhe outra pessoa.

Os cidadãos dessa sociedade podem escolher a qual facção integrar ao completarem 16 anos. Geralmente os nascidos em determinadas facções permanecem nas mesmas, dificilmente mudam de facção. Porém antes de realizarem essa escolha, os "debutantes" são submetidos a testes que indicarão quais aptidões possuem e os ajudam a escolher qual facção devem escolher para si. Os testes feitos através da simulação sempre tende para uma das facções, porém em casos raros, ou ocultos, acontece de pender para mais de um lado e aí é que a coisa começa! Isso ocorre com Beatrice, uma jovem vinda da Abnegação, seus testes dão inconclusivos e é descartado sendo manipulado a mão por uma funcionária que o está aplicando, Beatrice não entende o que acontece e a única resposta que obtém, é que não revele NUNCA o resultado de seus testes, pois ser um "Divergente" é muito perigoso!
Beatrice já se sentia confusa antes da simulação e após a mesma fica ainda mais perdida. Ela ama sua família e mesmo não querendo magoá-los sempre soube que seu lugar não era na abnegação, pois não se sente uma pessoa altruísta incondicionalmente, nem tão solicita ao próximo, com isso no dia de sua escolha ela resolve escolher a Audácia, chocando a todos que estão assistindo ao processo, incluindo seu pai.. A decepção fica ainda mais estampada em seu rosto ao perceber que seus dois filhos escolhem deixar sua família e ir para outras facções. O irmão de Beatrice escolhe a Erudição, que tem uma séria rivalidade com a Abnegação!

Mesmo com dúvidas sobre seu futuro, não há mais o que fazer a sua escolha está feita e agora é arcar com as consequências da mesma! Beatrice é iniciada na Audácia e aos poucos vai percebendo toda uma conspiração envolvendo a Erudição e a Audácia.
De certa forma ela não se encaixa em nenhuma facção especifica, pois ela não possui apenas qualidades de uma ou de outra e sim um misto de algumas delas, o que faz com que ela sempre se sinta perdida e fora do cenário em que vive.
Com isso Tris (nome que ela escolhe após ser iniciada na Audácia) entrará numa luta desesperada para frear os planos diabólicos da Erudição que é dominar a Abnegação, matar qualquer Divergente e deter todo o poder e riqueza que se possa conseguir disso!

Claro que no meio dessa luta Tris terá de lidar com amizade, escolhas, medos, amor, consequências e muito mais!

A história é simplesmente eletrizante e irresistível! É impossível não gostar de Divergente! 

ISBN:9788579801310
Livro:Divergente
Série:Divergente - Livro 1
Autor (a):Veronica Roth
Editora:Rocco
Tradutor:
Lucas Peterson
Ano:2012
Edição:1
Páginas:2012
Avaliação:5 S2

2 comentários:

  1. É tão bom quando compramos um livro com "nosso dinheiro" e ele não decepciona. Ainda não li (nem tenho) Diveregente porque fui preconceituosa e achei também que era parecido com outras distopias que já li. Mas pelo que você disse, a história é boa demais então já estou aqui fazendo meus planos para adquirir o livro. Ainda mais que o segundo já está por aí.

    ResponderExcluir
  2. Oi adorei sua resenha amiga...mas vc já leu o livro reverso escrito pelo autor Darlei... se trata de um livro arrebatador...ele coloca em cheque os maiores dogmas religiosos de todos os tempos.....e ainda inverte de forma brutal as teorias cientificas usando dilemas fantásticos; Além de revelar verdades sobre Jesus jamais mencionados na história.....acesse o link da livraria cultura e digite reverso...a capa do livro é linda ela traz o universo de fundo..abraços. www.livrariacultura.com.br/scripts/resenha/resenha.asp?nitem..

    ResponderExcluir