Resenha: A lista dos meus desejos - Grégoire Delacourt


Sinopse:

Até que ponto o dinheiro traz felicidade? Essa é a questão central de A lista dos meus desejos, o fenômeno de crítica e público que ultrapassou a marca de 400 mil exemplares vendidos na França e será levado às telas em 2013. Jocelyne Guerbette é uma mulher de meia-idade que sempre teve uma vida modesta e pacata. Mora há décadas numa pequena cidade francesa com o marido, tem um armarinho e escreve um blog sobre costura que, sem suspeitar, é cada dia mais lido. Jo tem duas amigas inseparáveis — as gêmeas Danièle e Françoise, donas de um salão de beleza — que sempre apostam na loteria e sonham com o que fariam se ficassem milionárias. Um dia, pressionada pelas irmãs, Jo decide comprar um bilhete. E ganha, sozinha, 18 milhões de euros. É o início de uma reviravolta em sua vida. Por um lado, tudo em que ela sempre acreditou começa a desmoronar diante de seus olhos. Por outro, poderá descobrir a felicidade onde nunca havia esperado. A lista dos meus desejos é um livro sobre a felicidade, e um conto de fadas moderno sobre a redenção nos momentos mais difíceis. Sem saber como lidar com a quantia de dinheiro exorbitante, Jo decide não contar ao marido sobre a fortuna recebida. Ela teme pelo pior: tanto dinheiro recebido de uma só vez possa trazer mais tristeza que felicidade. E, de fato, aos poucos a vida da personagem passará por mudanças irreversíveis, trazendo perigos nunca antes previstos. Numa trama pontuada pelo amor e pela imprevisibilidade do destino, Grégoire Delacourt desenvolve uma história sobre as prioridades do desejo.



A Lista dos Meus Desejos foi uma surpresa, não esperava uma leitura tão fluente e que me prendesse tanto. A história me encantou e pude me identificar com Jocelyne em alguns momentos! Com uma abordagem suave o autor me ganhou e conseguiu tornar A Lista dos Meus Desejos um dos melhores livros lidos desde o início de 2013!

Jocelyne é uma mulher que se vê mergulhada em uma vida pacata marcada por acontecimentos que a marcaram profundamente e percebe que aos poucos ao longo de sua vida foi deixando de lado seus sonhos e desejos. Ela não pode reclamar por inteiro, pois sua vida é estável mesmo sendo um pouco ensossa! Jo aprendeu a apreciar os pequenos momentos do dia a dia, da rotina.

Jocelyne está acima do peso, e encontra-se casada com um homem de nome Jocelyn, possui dois filhos adultos que seguiram seus rumos na vida! Seu marido é um homem comum, trabalhador, mas que não tem aquele interesse que deveria por Jo. Ele não a procura na cama e passa suas noites na frente da tv ou com os amigos batendo papo. Jo vive na mesmice de sua rotina indo de casa para seu pequeno negócio, um armarinho onde vende linhas, botões e afins. Ela cria um blog "dedosdeouro" onde publica diariamente sobre costura e etc. 
Apesar de Jo não ter sua vida como gostaria, ela aprecia os bons momentos e a tranquilidade em que vive e não deseja alteração alguma em sua rotina. 

Ao longo da curta narrativa o autor nos apresenta Jocelyne de maneira íntima, nos conduzindo pouco a pouco por seus anseios antes e após ganhar 18 milhões na loteria.

Jocelyne não sabe o que fazer com o dinheiro e receia que ele possa causar transtornos irreparáveis em sua vida e é por isso que resolve manter o fato em segredo e cria a Lista dos desejos aonde vai colocando e tirando o que poderá fazer com os 18 milhões.
E de fato essa quantia acaba trazendo muita tristeza e grandes mudanças em sua vida!

Dinheiro não traz felicidade ele pode colaborar para que consigamos bens materiais, mas a felicidade está nos pequenos gestos, no sorriso do seu parceiro, em sermos surpreendidos com carinhos ou cuidados quando não esperamos, em sermos apreciados pelo que somos e não pelo que possuimos.

O livro é de uma delicadeza fantástica que nos envolve e nos faz sentir com Jo cada golpe que a vida lhe traz!
Confesso que chorei ao término dessa leitura!

Com essa leitura pude ter a certeza mais uma vez que às vezes temos TUDO e não percebemos e sempre estamos querendo mais, desejando mais.. Estamos sempre insatisfeitos com o nosso dia a dia e muitas vezes deixamos de dar valor aos pequenos detalhes, àqueles que parecem banais, aqueles dos quais reclamamos.. E infelizmente em alguns momentos perdemos aquilo que mais amávamos na vida por conta de burrices, ambições e desejos que na verdade eram pequenos diante daquilo que não possuímos mais!

Concordo plenamente com um trecho do livro que diz:

"O amor tolera mais facilmente a morte que a traição" 
Pág.134 


E é com esse pensamento que me despeço de Jocelyne e de vocês queridos leitores!

ISBN: 9788579622137
Livro:A Lista dos Meus Desejos
Autor:Grégoire Delacourt
Editora: Alfaguara
Tradutor: André Telles
Edição:1
Ano: 2013
Páginas:152
Nota:5 S2

4 comentários:

  1. Eu não conhecia esse livro, mas apesar de poucas páginas, parece que dá espaço para pensar em muitas coisas. O estilo da narrativa é diferente, então deve ser interessante de se ler. E é bem verdade: na maioria das vezes temos mais do que precisamos e ainda achamos que tudo está ruim.

    ResponderExcluir
  2. Vanilda, se tiver a oportunidade leia! Vale a pena!

    ResponderExcluir
  3. Olá, gostei muito da sua resenha sobre esse livro, já havia lido a sipnose, confesso que tive outras expectativas, mas sua resenha me abriu os olhos sobre o que esperar dele, fiquei ansiosa.

    ResponderExcluir
  4. Tem algo de mais pra não ser recomendado a uma menina de 12 anos? Minha prima está louca por esse livro. Comprei até, mas só vou dar se ela puder ler.. se for compatível com a idade.

    ResponderExcluir