Resenha: Uma garrafa no mar de Gaza - Valérie Zenatti


Sinopse:

Um homem-bomba se explodiu dentro de um café em Jerusalém. Seis corpos foram encontrados. Uma garota, que se casaria naquele dia, morreu junto com o pai "algumas horas antes de vestir seu lindo vestido branco". E Tal não consegue parar de pensar em tudo isso. Tal é uma israelense que, como toda garota de dezessete anos, vive suas primeiras experiências - o primeiro grande amor, as primeiras escolhas profissionais e também o primeiro atentado. Depois de vivenciar esse momento trágico, ela escreve uma carta a um palestino imaginário, coloca em uma garrafa e pede ao irmão, que presta o serviço militar perto de Gaza, para lançá-la ao mar. Algumas semanas depois, recebe a resposta de um certo "Gazaman"...

Uma Garrafa no Mar de Gaza é um livro que marca e nos faz refletir.
Ambientado em Israel e Gaza, o livro retrata a realidade de jovens que desde cedo já convivem com a dureza da vida, sem a magia da infância e adolescência. 

Neste livro conheceremos dois jovens, Tal e Naim, que vivem separados por territórios considerados inimigos devido às diferenças culturais e toda a violência de ataques que ocorrem por décadas.

A história tem início após um atentado em Israel em um café próximo à casa de Tal; isso impressiona Tal, fazendo com que esta jovem de 17 anos escreva uma carta sem destino certo, como forma de desabafar seus sentimentos. Esta carta é jogada por seu irmão no mar de Gaza e Tal tem esperança de que ela seja encontrada por outra jovem que possa lhe ajudar a passar por esta situação de alguma forma, mesmo que apenas conversando a respeito.

Naim, jovem de 20 anos, morador de Gaza e já acostumado com o pânico e terror causado por ataques violentos encontra a carta de Tal e responde com um e-mail não muito amigável, porém através da insistência de Tal ambos começam a se corresponder por e-mail, compartilhando informações, sentimentos e as histórias de suas vidas.

Imagine o quanto para esses dois jovens é difícil conviver em um mundo onde só há guerra e violência, onde as pessoas não respeitam a opinião do outro, onde são obrigados a participar, de certo modo, de uma guerra que não condiz com os pensamentos deles. De algo com o qual não concordam?
Pois é exatamente isso que acontece! E não importa como eles se sintam, pois a realidade é essa é quem são eles para mudar algo?

Nesse clima de e-mails e fatos narrados por ambos os personagens uma amizade sincera vai criando raiz.. Entre duas pessoas que poderiam ser consideradas traidores de seu próprio povo.

Uma garrafa no mar de Gaza é um livro que nos emociona e nos prende nos fazendo viajar por suas páginas.

ISBN:9788565765022
Livro:Uma Garrafa no Mar de Gaza
Autor (a):Valérie Zenatti
Editora:Seguinte
Ano:2012
Edição:1
Páginas:128
Avaliação: 5 S2


3 comentários:

  1. Eu não consegui me sensibilizar com o livro. Quero dizer, é uma boa história, mas não sei... para mim foi superficial, não trouxe nenhum sentimento de compreensão da real situação...

    ResponderExcluir
  2. Kari, gostei da história. Quem vive do lado de cá pode ter dificuldade para compreender o peso que os personagens sentem e carregam, mas enxergo que eles estão numa prisão sólida, porém invisível; isso é triste. Fiquei com muita vontade de lê-lo. Obrigada pela resenha e pela dica. ;)

    Beijos,

    Isie Fernandes - de Dai para Isie

    ResponderExcluir
  3. Sou doida para ler ele!!!
    É um dos meus mega desejados do mês e até coloquei ele na lista de presentes para um amigo secreto de páscoa \o/

    Deve ser difícil a situação deles, meu interesse só aumenta agora rsrs gosto da capa dele, de tudo na verdade *----*

    Bjs

    ResponderExcluir