Resenha: Belezas Perigosas – Libba Bray


ISBN: 9788561384234
Título: Belezas perigosas
Trilogia: Gemma Doyle
Editora: Rocco
Edição: 1
Ano: 2003
Páginas: 323
Avaliação: 5/5


Ela não tem os mesmos modos impecáveis de outras moças. Muito menos a graça e a desfaçatez para mentir em nome da Inglaterra. Gemma Doyle é tão - somente a herdeira de um dom sobrenatural – visões do futuro que têm o desconfortável hábito de se tornarem realidade. Em Belezas perigosas, os leitores são apresentados a esta jovem protagonista, mandada para a Academia Spence, uma tradicional escola para moças, depois da tragédia que se abateu sobre sua família. Gemma vive sob o signo da culpa e da solidão, mas procura ouvir seus desejos e não se curva ante à repressão de uma época em que as moças eram treinadas apenas para conseguir um "bom" casamento. Mas é justamente em Spence que os poderes sobrenaturais de Gemma se revelarão, envolvendo as garotas mais poderosas da escola e levando-a a descobrir a ligação de sua mãe com um grupo muito antigo e misterioso conhecido como a Ordem.
Primeiro volume da trilogia Gemma Doyle, da norte-americana Libba Bray, Belezas perigosas tem o poder de fisgar o leitor com uma sofisticada mistura de reconstituição de época e suspense que resulta numa tensão permanente. Ambientado entre a Índia e a Inglaterra, no fim do século XIX, e narrado em primeira pessoa pela protagonista a partir do dia do seu 16º aniversário, o romance possui uma narrativa elegante e envolvente que nos transporta para um mundo belo e assustador, o mundo interior de Gemma Doyle, uma menina que precisa descobrir seus próprios segredos para dominar uma mente inquieta e um coração cheio de vida, questionamentos e angústias.
Após assistir à morte de sua mãe duplamente – numa visão perturbadora que logo se confirma real – no dia do seu aniversário, em uma tarde quente e agitada em Bombaim, Gemma é mandada para Londres, onde o irmão se encarrega de matriculá-la na tradicional escola Spence para moças. Sob o lema "graça, charme e beleza", Spence, guarda, no entanto, em seu bosque, onde às vezes aparecem ciganos, sua capela, seus recantos secretos, mistérios que farão com que Gemma entre em contato com seu dom (ou seria uma maldição?) de forma cada vez mais intensa. O jovem Kartik bem que tenta ajudá-la a lidar com suas visões e alertá-la para os perigos de se envolver numa antiga e nebulosa história, mas Gemma não é do tipo que se deixa paralisar pelo medo. E encontra em Felicity e Pippa, duas das meninas mais invejadas do colégio, e até mesmo na humilde Ann, o impulso necessário para enfrentar seus próprios fantasmas.
Conheça Gemma Doyle e deixe-se levar pelas "Belezas Perigosas" escondidas no coração e na mente dessa personagem encantadora. Depois de virada a primeira página, impossível não se envolver com sua história de vida e morte, luz e sombra, alegria e tristeza, coragem e medo, amor e ódio, que, afinal, é um pouco como a história de todos nós, mas enriquecida com a imaginação brilhante e o talento narrativo de Libba Bray. 


Esse é o primeiro livro e foi muito bem recomendado e estava muito curiosa para lê-lo. Achei que fosse mais uma trama de mulherzinha e nem fazia idéia do seu lado sobrenatural. E ao começar a desvendar seus mistérios, página a página, fui me deliciando com a estória e ficando ainda mais intrigada pelos próximos acontecimentos. Ele não foi um simples sobrenatural... Foi um sobrenatural diferente e excitante.

Gemma Doyle, a mocinha da nossa estória, desde o primeiro capítulo se mostrou voluntariosa, teimosa e persistente. Logo de início você percebe o conflito com sua mãe e a sua teimosia. Uma jovem completamente diferente dos padrões a época, vivendo na Índia e com desejo enorme de voltar a sua terra natal. Só que sua teimosia a levou dizer e fazer coisas que trouxeram conseqüências terríveis. Ela perde a sua mãe, assassinada, nesse momento  tem a visão terrível do seu assassinato. Aquilo segue com ela e o remorso a machuca todos os dias.

De volta a sua terra natal, Gemma está sozinha, desprezada pela família e abandonada em um internato para moças. Seus familiares acham que é necessário para essa jovem aprender modos de uma dama e a levam para Spencer. Lá, novas e mais misteriosas, visões a perseguem e Gemma é avisada por um estranho, e atraente cigano, de que deve fechar a mente para tais visões. Porém a curiosidade e a teimosia a levam a novas, para não dizer perigosas descobertas. 

É no meio de um lugar frio, cheio de hostilidades e maldade, que Gemma tem novas visões e encontra um diário com grandes revelações. Junta-se a três jovens, todas com problemas familiares muito fortes, e formam uma espécie de sociedade secreta. Mesmo avisada do perigo, continua instigando os seus dons e buscando o conhecimento que pode levá-la a um caminho sem volta. O que era apenas uma brincadeira acaba arrastando Gemma e suas amigas para uma trama perigosa, misteriosa e cheia de fascínio.

Não posso revelar mais sobre o livro. Só posso dizer que a abordagem me surpreendeu e realmente não esperava pelos fatos contados. Totalmente inusitado e diferente trazendo um ar misterioso e instigante ao leitor. Estou louca para ler os dois livros e descobrir como a autora vai desenrolar essa trama tão... Estranha. Tenho certeza que os que se identificam com  sobrenaturais vão gostar do livro. Eu realmente gostei.

Bjs no core

3 comentários:

  1. Amiga, estou doida para ler esse livro. Tenho ele e o segundo me falta tempo.. mas quero ler logo quando puder!
    Você só me deixou mais curiosa!

    ResponderExcluir
  2. Vc está doida por esse e eu tentando arrumar tempo para ler o segundo. kkkk Não consigo encaixar na minha agenda de leitura. Olha que fiz a maior questão de comprar. kkk

    bj

    ResponderExcluir
  3. O livro já começou a me encantar pela capa.
    Parecia um romance de época e eu adoro.
    Assim como vc quando descobri pela sua resenha de que tem sobrenatural no meio se tornou leitura obrigatória!!
    Ai meu bolso para comprar todos os livros que eu quero ler....
    =X

    ResponderExcluir