Resenha - Amante Consagrado (IAN 6) - J. R. Ward

ISBN: 9788579302367
Livro: Amante Consagrado 
Autor: J. R. Ward
Editora: Universo dos Livros
Edição: 1
Ano: 2011
Páginas: 552
Onde Comprar: Cultura | Digerati | Saraiva | Submarino
Avaliação: 5


Nas sombras da noite de Caldwell, Nova York, desenvolve-se uma furiosa guerra entre os vampiros e os seus assassinos. Há uma Irmandade secreta, sem igual, formada por seis guerreiros vampiros, defensores de sua raça. E agora, um Irmão obediente deve escolher entre duas vidas...

Ferozmente leal à Irmandade da Adaga Negra, Phury se sacrificou pelo bem da raça, convertendo-se no macho responsável por manter a linhagem da Irmandade. Como o Primaz das Escolhidas, ele será o pai dos filhos e das filhas que assegurarão que sobrevivam as tradições da raça, e, que haja guerreiros para lutar contra os redutores.

Como sua companheira, a Escolhida Cormia quer ganhar não só o corpo, mas também o coração de Phury para si... Ela vê o guerreiro emocionalmente deteriorado atrás de toda sua nobre responsabilidade. Mas enquanto a guerra com a Sociedade Redutora se torna mais severa, uma grande tragédia abate a mansão da Irmandade e Phury deve decidir entre o dever e o amor.



Esse é o sexto livro da série Irmandade da Adaga Negra; nesse volume iremos enfrentar junto com Phury todos os seus fantasmas e adentrar ainda mais no mundo das escolhidas.

Phury sente-se perdido agora que não precisa mais cuidar do seu irmão Z e para piorar sente-se cada vez mais atraído pela Shellan do irmão; depois de ser celibatário por muito tempo decidiu tornar-se o primax a fim de esquecer Bella de uma vez por todas e se afastar de todos aqueles que já não o veem com os mesmos olhos. Como o Primax ele precisa engravidar 40 escolhidas para dar continuação à raça. 
Phury é viciado em fumaça vermelha e cogita experimentar coisas mais fortes para tentar calar a voz do mago que o assombra. Ele tornou-se um completo viciado, cheio de autopiedade e causador de problemas; Z e toda irmandade já não o veem com os mesmos olhos e ele está numa luta consigo mesmo, algumas vezes pensando em desistir! Ele se apaixona por Cormia, escolhida que mudará sua percepção e sua vida.
Nesse livro como em todos os outros também temos o desenvolvimento dos personagens de Qhuinn, Blay, John e Lash. A história dá uma reviravolta quando Qhuinn ataca Lash com sua faca para defender a honra de seu amigo Jhon e aí o circo começa a pegar fogo, com Lash e Qhuinn tendo suas vidas completamente modificadas da noite para o dia e muita coisa acontece desse ponto em diante para esses personagens; não posso falar,  pois senão estrago a surpresa de vocês; tenho certeza que irão ficar surpresos com o desenrolar da história!

"Com um grito, ela levantou a linda túnica lavanda 
e correu na direção dele, com lágrimas escorrendo pelo rosto. 
Phury a segurou quando ela se lançou sobre ele 
e segurou seu corpo quente junto ao seu
- Eu amo você - ela disse. 
- Eu amo você, eu amo você... eu amo você.
Naquele momento, com seu mundo em transformação, 
com sua shellan nos braços, 
Phury sentiu algo que nunca imaginou que sentiria. 
                                                        Finalmente se sentiu como o herói que sempre quis ser." 
                                                                                                                            (pág. 94/495)



Phury não é meu amante favorito, o acho sem sal, mesmo com toda sua beleza e seus cabelos multicoloridos, toda essa coisa do vicio me entediou bastante; ele é um cara extremamente generoso que coloca os outros em primeiro lugar; mas quando está tentando matar seus monstros, Z e a Irmandade não estão presentes dando apoio; pelo contrário consideram ele um fraco; entendo os motivos, afinal todos são tão viris e não julgo a escolha da autora em descrever Phury como descreveu e até confesso que em certo ponto da trama lá no finalzinho quando Z entregou sua filha a Phury, chorei! Achei essa parte muito bonita. Esse livro retrata força de vontade e perseverança acima de todas as coisas, pois foi assim que Phury conseguiu começar a superar seus fantasmas.

O romance entre Phury e Cormia não foi um dos mais arrebatadores da série, mas teve seu charme por se tratar de uma escolhida, que não conhece nada do mundo onde Phury vive. Senti falta de toda aquela coisa hot que tira meu fôlego nos livros da autora!

Porém confesso que as melhores partes da trama foram as que tinham o quarteto Qhuinn, Blay, John e Lash envolvidos; eram as partes mais tensas que me prendiam e me faziam continuar a leitura como uma devoradora de livros que sou!
J. R. Ward consegue mais uma vez dar continuidade a sua mágica, nos fazendo ficar vidrados com a estória da Irmandade; a cada livro fico mais apaixonada pela série e mesmo quando se trata de um amante que não sou muito fã, a autora consegue mudar minha percepção de forma definitiva, me fazendo enxergar coisas que não via antes e me fazendo entender certa escolhas dos personagens durante a trama. O que mais gosto nessa série é que mesmo que um determinado livro fale do amante x, ele não foca só nisso, temos estórias paralelas tão interessantes quanto a principal! 
Leiam a série da Irmandade e entendam o que estou querendo dizer!

O próximo livro é Amante Vingado, estava esperando muito por ele e logo logo postarei resenha para vocês!



Vocês podem ler as resenhas dessa série em:

9 comentários:

  1. Oi Karini!!!! Esse tambem não é o meu preferido!!! E durante a leitura muitas vezes fiquei com raiva do Phury!!! Tive muita pena da Cormia, pois no inicio ele leva ela pra fortaleza da irmandade e simplesmente larga ela lá sem dar nenhum suporte sem ensinar nada a ela sobre esse outro lado!!! Concordo que a melhor parte do livro envolve os 4 jovens em transição!!! Amo o John Matthew e estou louca pra ler o livro sobre ele e a Xhex!!!

    Por enquanto meus vamps favoritos ainda são Rhage e Zsadist!!!! Quero muito ver o que a autora vai fazer com Thorment, afinal ele perdeu sua tão amada Shellan e o filho deles, o que me deixou arrasada!!!
    Essa série na minha opinião deve ter pelo menos uns 20 livros!!!!!kkkkkkkkkkkk Não sei o que vou fazer quando acabar!!!kkkkkkkkk


    Bjssssssssssssssssss

    ResponderExcluir
  2. Olá, Karini.

    O Phury não é o meu preferido, mas sempre senti muita pena dele. Adorei o livro porque, como disse, tem muitas partes falando dos outros personagens, principalmente Blay, Qhuinn e John (que são os meus preferidos!)

    Achei fofa a história de amor entre o Phury e a Cormia, e a atitude responsável que ele tomou no fim do livro. Adorei tudo!

    Bjs.

    ResponderExcluir
  3. Pois é, também fiquei com raiva do Phury, mas como disse o quarteto Qhuinn, Blay, John e Lash.
    Mesmo o Lash sendo do mau eu adoro as partes em que ele entra; ele é dotado de sarcasmo, confiança..literalmente se acha.. rsrs
    Estou muito curiosa para ver no que vai dar com o John e sua amada e saber se vão descobri quem ele realmente é!!!! Já estou com meu Amante Meu aqui e pretendo começar a leitura hoje. #adoro

    ResponderExcluir
  4. Também gostei da história de amor entre Phury e Cormia, porém não foi minha preferida.
    Mas como sempre digo a amigas, toda a série é fantástica e não tem como não gostar de todos os livros, mesmo tendo um ou outro preferido!

    ResponderExcluir
  5. Menina me deixou com inveja agora!!!kkkkkk Já comprei o meu mas ainda leva uns dias pra chegar!!! Aproveitei o cupom de desconto da Digerati e fiz a festa!!!!kkkkkkkk

    Eu morro de pena do Blay, tadinho é apaixonado pelo Qhuinn, que é o maior galinha!!! Quero ver que solução a autora vai dar pra essa paixão!!! Eu tenho um ódio do Lash que se pudesse eu mesmo mataria ele!!!!kkkkkkk Mas como vilão ele é perfeito!!

    Depois que eu ler Amante Meu vamos trocar opiniões sobre esse Amante tão intrigante ok!!!!

    Bjssssssssssssssssssss

    Em 25 de janeiro de 2012 20:59, Disqus
    <>escreveu:

    ResponderExcluir
  6. Vamos debater a respeito de John sim. Ele teve uma mudança considerável no livro Amante Vingado! (logo logo a resenha irá ao ar)
    Ele deixou de ser bobinho e sofrer o tempo todo para ser mais viril! Muito bom!

    ResponderExcluir
  7. Kari, meu livro chegou! Agora só faltam dois! To louca por essa série. Eu me derreti toda no primeiro livro. Quero muito ler o do Zdist e do Burck. Depois comento as resenhas com as minhas impressões.
    bjus no core

    ResponderExcluir
  8. Não tenho muito o que falar do livro, pois não li nenhum da série..só sei que tenho uma super vontade de ler..quem sabe um dia neh!!!!!!!

    bjus

    ResponderExcluir
  9. Eu nem falo mais nada, essa série está martelando na minha cabeça. Como pode uma série arrebatar tantos corações como essa da J. R. Ward? Nossa!

    ResponderExcluir