Resenha – Assassin’s Creed – Renascença – Oliver Bowden



Sinopse: Traído pelas famílias que governam as cidades-estado italianas, um jovem embarca em uma jornada épica em busca de vingança. Para erradicar a corrupção e restaurar a honra de sua família, ele irá aprender a Arte dos Assassinos. Ao longo do caminho, Ezio terá de contar com a sabedoria de grandes mentores, como Leonardo da Vinci e Nicolau Maquiavel, sabendo que sua sobrevivência depende inteiramente de sua perícia e habilidade. Para os seus aliados, ele será uma força para trazer a mudança lutando pela liberdade e pela justiça. Para os seus inimigos, ele será uma ameaça que procura destruir os tiranos que oprimem o povo da Itália. Assim começa uma épica história de poder, vingança e conspiração.

O livro “Assassin’s Creed – Renascença” foi inspirado em um jogo eletrônico de mesmo nome, mas

O livro “Assassin’s Creed – Renascença” foi inspirado em um jogo eletrônico de mesmo nome, mas conforme algumas pesquisas, descobri que o livro é um pouco diferente do jogo. Eu como uma pessoa que não gosta desse tipo de entretenimento (deixo para meu digníssimo esposo) achei que sentiria dificuldade em ler esse tipo de estória, mas me surpreende pela forma como o livro é descrito e o desenrolar viciante dessa épica estória.


Estamos falando aqui de uma estória que passa no período de ouro de uma Itália Renascentista, onde a Igreja e as grandes famílias eram os governantes desse mundo.  Nesse contexto que se encontra Ezio Auditore, um jovem de dezessete anos que vê sua vida ser transformada em caos após o assassinato de alguns membros de sua família. Agora para extirpar a corrupção e restaurar a honra de sua família e da Itália Ezio irá aprender a arte de ser um Assassino. Ao longo desse caminho traçado por uma busca de vingança, ele irá contar com grandes amigos como os famosos: Leonardo da Vinci e Nicolau Maquiavel e é essa mistura de realidade e ficção que dá um tempero todo especial a este enredo.

O livro é muito bem estruturado, Ezio a principio é um personagem muito imaturo, mas ao encontrar as pessoas certas em seu caminho e focar em seus reais objetivos, deixando de lado a premissa de uma vingança pessoal e mirando em uma justiça maior, ele cresce e se torna uma pessoa forte e determinada deixando seus temores de lado ou bem escondido.
O ritmo do livro é bem acelerado e acho que isso se tornou um ponto negativo na obra, pois força ao leitor a uma compreensão rápida e atropelada dos acontecimentos, muitas vezes os diálogos e a passagem de tempo foram tão rápidos que me senti meio perdida na estória tendo que voltar às páginas anteriores para saber se estava lendo corretamente. Talvez Oliver Bowden pudesse ter considerado melhor a forma de inserir esses acontecimentos, mais de forma alguma essa observação tira o mérito da estória.

Poém eu não posso deixar de fora um aspecto que atrairá as meninas o romance, é claro que nosso herói tem um grande amor: Cristina e apesar da vida não ser favorável a esse amor, Ezio tem esse sentimento enraizado seu coração e eles por diversas vezes se encontram. E é esse romance que traz um pouco de leveza a esse enredo tão carregado de adrenalina.

Leitura recomendadíssima, uma estória épica cheia de ação, ódio, sangue e vingança. Assassin’s Creed – Renascença é um livro para aqueles que gostam de curtir a adrenalina nas veias e emoções fortes.



ISBN: 9788501091338
Livro: Assassin’s Creed – Renascença
Autor(a): Oliver Bowden
Editora: Galera Record
Edição: 1
Ano: 2011
Páginas: 378
Avaliação: 5

15 comentários:

  1. Não gosto da capa desse livro. Eu sempre pensei que fosse inspirado num video game e é mesmo :P A resenha tá muito boa, mas eu não leria mesmo assim.

    ResponderExcluir
  2. quero muito ler este livro bela resenha

    ResponderExcluir
  3. Achei a estória interessante; gostaria de ler esse livro em breve!

    ResponderExcluir
  4. JA Eu quero ler justamente por causa do jogos

    ResponderExcluir
  5. Eu fiquei mega curioso de como seria esse livro, porque eu já joguei o jogo no pc e é otimo, e achei diferente justamente por nunca ter visto um livro baseado em um jogo hehe
    Bjos!!!

    ResponderExcluir
  6. Eu amo a capa desse livro, acho que é porque eu sou viciada em jogos, assim que vi essa capa eu lembrei dos jogos e pelo visto o livro é bom hein?!
    Cada vez fico mais ansiosa!

    @Jennifer13d

    ResponderExcluir
  7. Nao gosto de livro desse estilo...
    Nao gostei mt da capa tbm.
    Nao sei, mas a historia em si nao me chama aatençao. Nao gosto da ideia de ser baseado em um jogo msm, e nao sou mt fa de jogos...
    chata eu ne?! kkkk
    bjim

    ResponderExcluir
  8. Sempre vejo no twitter comentários desse livro mas nunca tinha visto nada dele...Não curti tb o estilo e nem a capa (parece que não foi só eu neh!)
    Bom é diferente..quem sabe algum dia neh!!!!!1

    bjus

    ResponderExcluir
  9. Eu tinha mto preconceito com esse estilo de literatura mas me surpreendi e positivamente! O livro é muito bom e merece uma chance sim! Bela resenha paty.

    ResponderExcluir
  10. Oi, tudo bem?

    Não sei se me atrai muito esse tipo de livro.

    Beijos
    @Appromances

    ResponderExcluir
  11. Eu sempre me senti atraida por essa capa, fico imaginando o rosto embaixo desse capuz!!!Ai ai

    Agora com essa resenha fiquei ainda mais interessada em ler!!! Alem disso adoro games de ação, já que o livro é baseado em um game deve ser bem interessante!!!!


    Bjsssssssssssssssssssss

    ResponderExcluir
  12. meu amigo ta dooooooido pra ler ele! tipo, ele não faz realmente a minha cara sabe.. mas a capa é mara..
    ah, acho que vou comprar pra ele .. sei lá (:
    beijinhos;
    http://addictiveworld.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  13. Logo que notei este livro na Saraiva, logo veio um pensamento pessimista. O jogo é maravilhoso, estava realmente amedrontado em ler o livro, tanto é que estive procurando criticas quanto a sua qualidade. Ótima resenha, e por sua causa comprei o livro ..

    ResponderExcluir
  14. Fico imensamente feliz em ter lhe ajudo Arthur, o livro é excelente e tenho certeza que não irá se arrepender da compra. Depois que lê volte aqui e me diga qual sua opinião. Abs.

    ResponderExcluir
  15. Eu ganhei esse livro mas não estava muito animada para ler, mas depois dessa resenha eu resolvi parar de colocar o pobrezinho para trás na minha lista de leituras e ele será o próximo a ser lido. Espero gostar também.

    ResponderExcluir