Resenha: Pequena Abelha - Chris Cleave

Pequena Abelha, ou Abelhinha, é uma das protagonistas e narradoras da história, ela é uma refugiada nigeriana de 16 anos, que por causa da guerra pelo petróleo, e várias atrocidades humanas, busca abrigo na Inglaterra. Sarah é a outra protagonista e também narra a história. Sarah é Inglesa, editora chefe de uma revista, mãe do Batman-Charlie de 4 anos (que rende momentos hilários as páginas), esposa de um jornalista e amante de um funcionário público.

Dá pra notar que é uma história complicada, e é mesmo! Contada por duas pessoas, de pontos de vista diferentes. Fatos tristes e trágicos levam  a esse encontro e ao desenrolar da narrativa. A leitura deve ser feita com bastante atenção, pois as histórias se misturam e se completam, seguem uma só direção, mas as vezes o leitor se perde (no meu caso, que tive que reler vários parágrafos), como num quebra-cabeça. 

À momentos cansativos, outros empolgantes, outros totalmente estáticos, por não se acreditar no quanto um ser humano pode ser tão desumano, e também o contrário, onde o ser humano é simplesmente humano, e em outros casos muito humano. (Acho que exagerei, mas espero que faça sentido pra vocês como faz pra mim.)

O escritor Chris Cleave surpreendeu-me com o a riqueza das notas que há no final do livro, ele mostra que os fatos narrados tem inspiração na realidade, e comprova em seu site www.chriscleave.com .

Informações:
Título: Pequena Abelha
Autor: Chris Cleave
Editora: Intrínseca
Compre pela Livraria Cultura ou Submarino


Esse é último livro internacional deste semestre, agora é hora dos BRAZUKAS... (Eu estou apaixonada pelos escritores nacionais, eles são super atenciosos, vejam na nossa lista de autores/parceiros aqui ao lado.) =D

0 comentários:

Deixe seu comentário